As Dez Mais

Quarta-feira, 25 de abril de 2018.

PRIMEIRA:

O dia começou triste com o falecimento da Sra. Venize Charbel, mãe da nossa querida amiga, ex-vereadora e presidente do MDB Mulher, Dra. Carla Stephanini. O velório está sendo realizado no Parque das Primaveras. Sepultamento previsto para 17 horas de hoje. À família enlutada as nossas condolências.

SEGUNDA:

O bebê que morreu durante atendimento na UPA do Cel. Antonino na segunda-feira, tinha 3 meses de vida e nunca havia sido vacinado pelos pais. A informação é da Secretaria Municipal de Saúde.

TERCEIRA:

O candidato a governador do PDT, Dr. Odilon de Oliveira, convidou o sindicalista Fabiano Reis, do SINDJUS, a ser pré-candidato a deputado estadual pelo seu partido.

QUARTA:

O dólar disparou novamente. Em fevereiro estava cotado a 3,10 e ontem fechou a 3,45. Hoje abriu a R$ 3,50.

QUINTA:

Hoje tem Palmeiras contra Boca Junior, pela Libertadores da América; Flamengo versus Independiente, em Bogotá/Colômbia. Corre hoje a rifa do Lions Clube Sul pelo milhar da Loteria Federal.

SEXTA:

Na campanha política para o Senado a corrida continua: Nelsinho em primeiro, Zeca do PT em segundo, seguidos por Moka e Sérgio Harfouche. A campanha de Pedro Chaves não saiu do chão. Perguntei ao Guilherme Filho “o que está faltando para o Boeing do Pedrão decolar. A resposta foi: “Faltam passageiros!”.

SÉTIMA:

O processo contra Lula sobre a Chácara em Atibaia-SP, foi tirado das mãos do juiz Sérgio Moro, e devolvido para a Justiça Federal de São Paulo. A decisão foi dada pela 2ª Turma do STF, por não serem fatos relacionados com a Petrobrás.

OITAVA:

Na inauguração de 560 casas populares em Dourados, o Governador Reynaldo Azambuja (PSDB) se derramou em elogios e agradecimentos ao presidente Michel Temer e ao Ministro Carlos Marun.

NONA:

O erro de prender Lula mesmo do julgamento dos embargos de declaração, poderá anular todo o processo que resultou na sua prisão. O erro cometido pela pressa poderá anular todo o processo que prendeu o ex-presidente petista. Quem reconhece a possibilidade são os ministros do STF.

DÉCIMA:

Nos meios políticos falam que o “baculejo” dado pela Polícia Federal na cúpula do Partido Progressista poderá respingar no ex-prefeito Alcides Bernal. Dizem mais: que as novas delações da JBS se referem duramente a Mato Grosso do Sul e poderá desencadear operações inesperadas em nosso Estado.

MEUS AMIGOS:

Ariosto Barbieri, da Agilitá, nosso ouvinte de todos os dias; Carlos Scardini Neto; Paulo Schleder; Milton Insuela Pereira que ontem festejou seus 88 anos, cercado pelo carinho da família, amigos e admiradores; Dra. Joana Dárc de Paula; Mauro Bezerra Arruda ouvindo a 101.9 em Itanhaém no Litoral Paulista, pela RadiosNet; e nossos parabéns para os aniversariantes do dia: Adriana Pereira Bretan, Pedro Pedrossian Neto, Ana Clara Diniz Duim e Dr. Carlos Marques, advogado.

Amanhã eu volto.

Fuuuuuuuuuuuuui.

Comentários

Comentários