As ‘dez’ mais

Sexta-feira, 08 de julho de 2016.

1ª)

O deputado federal Dagoberto Nogueira é o homem que manda no PDT, mas dizem que ‘quem manda nele’ é o Leite Shimidt, que das barrancas do Taquari, o tem alertado para tomar cuidado com as bajulações baratas e os falsos amigos.

2ª)

Dagoberto estava sendo levado para uma roubada. Queriam pegar o PDT para fazer de vice na pretensa reeleição de Bernal. O deputado, inteligentemente, com uma simples declaração acabou com a festa. Disse que será candidato a prefeito. Quem estava de olho na negociata já baixou a bola e saiu de campo.

3ª)

O prefeito ‘reconduzido’ está experimentando o chamado isolamento político. Dizem que o deputado federal Zeca do PT quis levar o partido para se juntar com ele, mas o pessoal refugou. A maioria disse na ‘lata’ pro Zeca: “Se você for com o Bernal, vai sozinho!”.

4ª)

A renúncia de Eduardo Cunha na tarde de ontem, feita em clima de choro “causou” em nossa Capital. É que Waldir Maranhão, que estava presidente interino da Casa, vai perder na terça-feira o foro privilegiado. Pode também acabar na cadeia por causa da Operação ‘Miquéias.

5ª)

A ‘Operação Miquéias’ ressurgiu forte. Era uma quadrilha que convencia prefeitos a negociar com o doleiro Faed Trabousi, aplicando fundos dos Institutos previdenciários municipais em papéis podres. Quem aderia levava uma polpuda grana ‘por fora’. Nas gravações aparece Maranhão arrumando um encontro entre o doleiro e Alcides Bernal, na época, recém eleito.

6ª)

Embora Bernal negue ter encontrado com o doleiro Trabousi, o importante é saber onde foram parar R$ 109 milhões de reais que evaporaram do caixa do IMPCG. Ricardo Ballock, diretor-presidente do Instituto, desmentiu que o caixa estivesse liso, mas declarou em nota a existência de apenas 18 milhões. O deputado estadual Coronel Davi já levou a denúncia para o Ministério Público investigar.

7ª)

A buraqueira nas ruas de Campo Grande só perde para o buraco financeiro na contabilidade da nossa prefeitura, e para a falta de intimidade do prefeito em pagar dívidas. Das ‘seis’ empreiteiras que estavam ‘tapando buracos’ quatro já abriram o bico e pararam os serviços. Motivo da paralisação: falta de pagamento.

8ª)

Giroto, o cunhado dele e João Amorim, voltaram ver o sol nascer quadrado. Estão “inquilinos” na famosa ‘Cela 17’ que abriga 24 presos “especiais”. Desta vez foram pegos escondendo bens da Receita Federal. Venderam um avião que eram sócios por R$ 2 milhões e dividiram a grana. Como a Receita Federal estava de olho, acionou a Polícia Federal e encanou de novo essa turminha braba.

9ª)

A partir de hoje quem não transitar pelas rodovias com faróis acesos à meia-luz, será multado em R$ 85,13 e ainda ganhará como ‘brinde’ 4 pontos na carteira. Como diz o inteligente Antonio João: “Vai se saber o que está por detrás disso!”…

10ª)

Carlos Marun tem sido o deputado federal mais visto em todas as redes de televisão do país. Com a renúncia de Cunha, e a eleição marcada para terça-feira afim de se escolher um futuro presidente para a Casa; e a dificuldade de encontrar alguém sem problemas com a justiça; crescem suas de Marun ser candidato. Embora novato na Casa, é impossível ignorá-lo nesses grandes movimentos.

Segunda-feira eu volto.

Fuuuuuuuuuuuuuuuuui.

Comentários

Comentários