As Dez Mais

Sexta-feira, 23 de Março de 2018.

Primeira:

Hoje é o Dia do Meteorologista. Homenagens ao Sr. Natálio Abraão o profissional mais destacado deste Estado. Em nome dele e de todos os demais profissionais, nossa saudação.

Segunda:

Manhã começando quente em Ponta Porã. Dois pistoleiros com máscaras ninja invadiram a casa do empresário e ex-candidato a prefeito Edvaldo Pavão, do PSL, e o executaram na frente da família. Edvaldo era dono da Chinatur, empresa de turismo daquela cidade.

Terceira:

No interior a campanha do candidato a governador pelo PDT começa a naufragar. Comenta-se que Odilon de Oliveira estaria descontente com o seu partido e sendo sondado para ingressar no partido de Jair Bolsonaro.

Quarta:

Nos grupos de internet o comentário desta manhã seria de que o ex-juiz Odilon de Oliveira teria compra do site ‘O Jacaré’. O comentário, até agora, não foi desmentido.

Quinta:

Governo do Estado está com dificuldades de justificar onde enfiou 6 bilhões de reais que recebeu à mais no exercício de 2017. Não construiu nada e choraminga que está com problemas de caixa.

Sexta:

O STF proibiu qualquer ato de prisão contra o ex-presidente Lula até o dia 4 de abril quando a Corte voltará a se reunir para retomar o julgamento do habeas corpus preventivo impetrado pelo ex-presidente.

Sétima:

Brasil e Paraguai estão caçando o bandido Sérgio de Arruda Quintiliano Neto, de 32 anos, vulgo Minotauro. Ele teria sido o pistoleiro que matou o policial civil Wescley Dias Vasconcelos, de 37 anos, no início deste mês. Também teria participado da execução do poderoso narcotraficante Jorge Rafaat em junho de 2016.

Oitava:

O Restaurante Universitário da Universidade Federal está um ‘esculacho’. Até sabão encontraram na comida. O local é quente e insalubre. Estudantes pedem melhorias. Imaginem estão como devem sofrer aqueles que elaboram a comida.

Nona:

Bandidos ensinavam seus comparsas roubar bancos. As aulas eram por vídeos enviados por WhatsApp. Os “donos” dessa “escolinha” eram Cleberson Nunes Pires Arcanjjo, de 39 anos, e Melrison da Silva, 31 anos, condenados por roubos e furtos. A quadrilha tinha o seguinte organograma: Chefia, execução e apoio. A “casa” caiu.

Décima:

Duas pessoas conversando nos corredores da Assembléia – Felizmente o Azambuja acordou!… disse um deles.

O outro:

– Acordou nada. Até pra acordar ele finge!”.

Meus amigos:

Fernando Garcia, ex-vereador Edil Albuquerque, Dr. Gilson Brites da GMB Engenharia, vereadores: Papi, Longo e Jeremias; Dr. Lázaro Gomes, advogado. Marcelo Rodrigo, da Yellow Móveis; D. Maria Aparecida Pedrossian; Agnes Alves, escrivã da Polícia Civil; Aniversariantes do dia: Getúlio Gideão Bauermeister, Lenir Rossati e Paulo Schleder.

Segunda-feira eu volto.

Fuuuuuuuuuuuuuuuuuui.

Comentários

Comentários