As Dez Mais

Segunda-feira, 09 de abril de 2018.

PRIMEIRA:

A semana começa com a rádio ‘pião’ dizendo que o PDT está em crise política e financeira. Não tem dinheiro. Os parceiros estão se mandando. Odilon continua de desidratando muito rapidamente. Por enquanto estão suspensas as visitas e reuniões no interior.

SEGUNDA:

Dizem que o PDT apresentou uma conta “salgada” para a campanha do seu candidato. Só com o “marqueteiro” e produtor do programa eleitoral a conta total seria de R$ 10 milhões. Quem pensava em pôr dinheiro, quando viu esses primeiros números teve taquicardia.

TERCEIRA:

O PDT imaginava que o projeto “Odilon Governador” teria apoiadores como Pedro Chaves e Jerson Domingos, mas os dois, diante da radicalidade do candidato saíram de fininho. O PDT está vivendo sua pior crise financeira pré-campanha. Quem está sendo beneficiado com essa crise e queda nas pesquisas do ex-juiz é o ex-governador André Puccinelli.

QUARTA:

Gozação no Facebook para hoje: “O Lula preso está mais feliz que o palmeirense solto!”. O futebol tem dessas coisas: sempre há um motivo para filosofar ou fazer gozação. O importante é que o meu ‘Coringão’ é campeão.

QUINTA:

Quem roubou a cena no DEMOCRATAS foi o pré-candidato a governador André Puccinelli (MDB). O presidente da Câmara Federal Rodrigo Maia, se declarou “andrezista” e fez com isso muita gente ficar enciumado, afinal o DEM caiu ‘de graça’ no colo do Puccinelli.

SEXTA:

O governador Azambuja descobriu que em Aquidauana, um seu “funcionário” que recebe pela Casa Civil, está fazendo programa de rádio e apoiando um seu adversário. Esse negócio de tomar “bolada nas costas” não é do feitio do Azambuja, que mandou tomar providências imediatas.

SÉTIMA:

A greve geral dos Administrativos da Educação colocou o “xeque” o governo estadual. O desgaste é o que de pior existe para um governo de mãos vazias. Azambuja vai à Justiça pedir que declarem a ilegalidade da paralisação. Serão 20 dias de muita turbulência.

OITAVA:

Um motorista foi parado numa blitz e entregou uma CNH “fria”. Pior que o gesto de usar um documento “frio” foi ele ter dito ao policial e depois ao delegado que “Quem lhe deu o documento em troca de um serviço de R$ 2 mil reais, foi um funcionário do Detran”. A coisa está borbulhando.

NONA:

O Banco de Lenços da Santa Casa está com estoque ‘zerado’. O lenço é um aliado daquelas pacientes em tratamento de câncer e que aumenta nelas a autoestima quando os cabelos começam a cair. Quem quiser fazer doação é só ligar para 3322-4054.

DÉCIMA:

O Operário sagrou-se campeão depois de 21 anos de “vacas magras”. Foi uma luta elogiável do seu plantel que mesmo com salários atrasados fez bonito no Morenão, devolvendo aos campo-grandenses as glórias do nosso futebol. Agora é aparecer apoio empresarial para não deixar o time morrer. Não se pode perder o embalo. Tomara que isso vire regra entre o empresariado desta Capital.

MEUS AMIGOS:

Cleiton Franco, da Funsat: Dr. Rizkallah Junior; Dr. Amilton Plácido da Rosa; Dr. Manfredo Alves Correia, ex-deputado, ex-Conselheiro do Tribunal de Contas; Carlinhos Porto um gênio da nossa política; Aniversariantes do dia: Ator, produtor e cineasta David Cardoso, meu amigo Naim Dibo Neto (Nainzinho) e Dr. Harley Cardoso Galvão, um dos baluartes da nossa Justiça.

Amanhã eu volto.

Fuuuuuuuuuuuuuuui.

Comentários

Comentários