As Dez Mais

Quarta-feira, 28 de novembro de 2018.

Primeira:

A Justiça Eleitoral julga hoje o processo do PODEMOS contra a Vereadora Enfermeira Cida. Depois de ter sido humilhada e discriminada por ser mulher, a vereadora será agora submetida a mais esse ato de violência.

Segunda:

Uma pesquisa feita ontem, se a Justiça eleitoral deve ou não cassar o mandato da vereadora Cida, constatou que a maioria dos entrevistados acham que ela deve continuar continuar no cargo.

Terceira:

Julgamento do recurso de “hc” de ontem no STJ em favor de André Puccinelli acabou retirado da pauta. Corria o risco de ser contaminado pela operação “Computadores de Lama”.

Quarta:

Na Assembléia Legislativa a corrida para a presidência da Casa continua com muitos interessados conversando e discutindo estratégias. Um nome corre por fora, mas com chances e condições reais pela sua anterioridade e seriedade: Deputado Zé Teixeira.

Quinta:

A quadrilha de João Roberto Baird vai estar completa hoje a tarde quando Romilton Rodrigues de Oliveira deverá se apresentar. Familiares dele disseram que Romilnton estava numa de “suas” fazendas, em Costa Rica.

Sexta:

João Roberto Baird subiu de ex-funcionário do antigo Prodasul a empresário multimilionário, com a rapidez de um raio. Dizem ter trabalhado para a extinção do órgão para montar o seu negócio.

Sétima:

Já tem deputado dizendo que o Governo do Estado deveria desapropriar o “mainframe” do J. R. Baird, porque o equipamento, que na época custou 4 milhões, foi pago com dinheiro do Governo do Estado. Baird representa hoje um perigo para o Estado. Se desligar sua máquina poderá deixar o Governo do Estado na “Idade da Pedra”.

Oitava:

A Polícia Federal mandou João Roberto Baird, Toninho Cortez e André Luiz Cance, para a famosa Cela-17 do Petran, onde foram recebidos com abraços por André Puccinelli, e seu filho andrezinho, mais os empresários João Amorim e Edson Giroto. Dizem que na “17” só está faltando o dono de uma gráfica e o Romilton, que chega hoje para completar o encontro de amigos.

Nona:

Embora sem relação com a operação “Computadores de Lamas”, a Polícia Federal deve investigar mais profundamente o assassinato de Daniel Abuchain, ex-superintendente de Gestão da Secretaria de Fazenda do Estado. Está muito esquisita a história de assassinato por vingança. Ele era envolvido e testemunha-chave de uma fraude de 256 milhões de reais contra o Estado.

Décima:

Todo mundo está comentando os exagerados gastos do ex-senador Delcídio numa festa de aniversário. Disseram num desses programas televisivos “baba ovos” que os gastos chegaram a 600 mil reais. Isso pode não passar de um exagero jornalístico social.

CHICOTADA DO DIA!

As “Fake News” continuam espalhando o terror nas redes sociais, desacreditando os que postam, os que curtem e os que compartilham. Disseram que o Presidente da Federação de Futebol, Francisco Cezário, tinha renunciado ao cargo. Pura mentira. Cezário me disse que “Renúncia” é palavra que não existe no seu dicionário!”.

Meus amigos!

João Roberto Abhuassan e sua esposa Babete; Nosso querido Andrezão Patrola; Jane Matos, ouvinte nossa em Brasília; Nely Leonel de Figueirão.; Valdson Godoy e Mariá; Roberson Moureira e sua esposa Marianna de Ribas do Rio Pardo.

Aniversariantes do dia!.

Nosso querido Aliel Kadri; A sempre risonha Michele Anechini e a lindíssima Dorivam Jafar.

Amanhã eu volto.

Fuuuuuuuuuuuuui.

Comentários

Comentários