As ‘dez’ mais

Quarta-feira, 14 de Setembro de 2016.

PRIMEIRA:

Bernal disse nas redes sociais não compreender por que é tão criticado por causa dos buracos desta Capital, e ninguém fala nada dos buracos que tomaram conta das avenidas do Parque dos Poderes, aonde o PSDB manda. “Tenho uma cidade enorme para cuidar, mas o Parque dos Poderes, que tem sua própria prefeitura, não consegue tapar seus buracos e ninguém fala nada!”, disse.

SEGUNDA:

A vaia do tipo “derruba quarteirão” que Alcides Bernal (PP) tomou ontem no debate na ACP, foi a vingança dos professores pelas suas promessas não cumpridas. Foi a segunda vaia que ele tomou agora em Setembro. A primeira foi no desfile de 7 de Setembro. Isso mostra que Bernal, que já foi considerado o ‘Rei dos votos’ agora virou o ‘Rei das vaias’.

TERCEIRA:

Professora Rose Modesto (PSDB) havia marcado hoje entrevista no programa Boca do Povo, mas houve desencontro de informações. Na verdade a entrevista dela está marcada para amanhã a partir das 7:20h. A assessoria da candidata acaba de confirmar presença.

QUARTA:

A COSIP também chamada “Taxa de Iluminação” voltou a ser suspensa. O campo-grandense está perdidão no meio desse tiroteio judicial. Bernal quer que a taxa seja cobrada e a Câmara suspendeu a cobrança por 6 meses.

QUINTA:

O ‘fantasmão’ Cláudio Guasso tomou uma multa de 10 mil reais por mentir na internet em relação a candidata Rose Modesto. Os irmãos Guasso – dois deles – ganham da prefeitura mais de 5 mil mensais apenas para fazer terrorismo com ‘fakes’ no Facebook e “operam” direto da Nilson’s Churrascaria, do pai deles. O local está ficando abandonado devido à essas nada recomendáveis referências.

SEXTA:

O TRE/MS prepara hoje o carregamento de informações para as urnas eletrônicas das 5.800 seções eleitorais, com todos os dados dos candidatos que estarão concorrendo ao pleito deste ano. O sistema consta de nome, número e foto dos candidatos.

SÉTIMA:

Esse negócio de “fraude de urnas eletrônicas” não passa de ‘conto do vigário’ que alguns espertinhos resolveram passar para candidatos desonestos que acham que fraudando urnas podem ganhar eleições. Para que esse mal não se propague, até porque fraude a urnas não passa de uma vigarice impossível de ser feita, a Polícia Federal deu um “péga” em dois estelionatários de Brasília e um do Rio Grande do Sul, acabando com a vigarice.

OITAVA:

Por falta de espaço no rádio e na televisão para dizer aos eleitores que “são candidatos”, tem muitos partidos que estão dispostos a jogar a toalha e renunciar o pleito ao deste ano. Dizem quem só nesta Capital tem pelo menos três partidos cujos candidatos estão doidinhos pra jogar a toalha.

NONA:

Comentário político nesta manhã é de que o ex-deputado federal e candidato a prefeito de Campo Grande pelo PMB (Partido da Mulher Brasileira), Pedro Pedrossian Filho – o Pepê -, desanimado e revoltado com a falta de espaço no horário da propaganda política no rádio e na televisão, estaria pensando seriamente em renunciar à candidatura.

DÉCIMA:

Esticaram até Brasília para prestigiar a posse da ministra Cármen Lúcia, no STF, o presidente do TJMS, Dr. João Maria Lós e seu vice, desembargador Pascoal Carmelo Leandro. Foram tomar um ‘cafézinho’ com a ministra, cuja posse foi considerada magra por ela própria que observou: “Não gosto de festa. Gosto de processo”.

Amanhã eu volto.

Fuuuuui.

Comentários

Comentários