As Dez Mais

Quarta-feira, 24 de outubro de 2018.

Primeira:

A guerra das pesquisas é pra deixar qualquer “demônio da Tasmânia” mais louco que já é. Estão brotando pesquisas de todos os gostos e paladares. Embora a maior pesquisa seja a urna, as empresas tradicionais desse ramo lutam para traduzir em números aquilo que o eleitor deseja saber. Já saíram, da semana passada até hoje, três pesquisas.

Segunda:

A primeira delas, surgida na semana passada é da desconhecida Ipexx Brasil. Uma empresa nova e sem qualquer tradição no ramo, pelo menos em nosso estado. Foi contratada pelo PDT e registrada no TREMS. Disse na semana passada que o ex-juiz Odilon de Oliveira virou a campanha. Segundo a Ipexx Odilon estaria com 52,52 e Azambuja 47,48%. Dizem que a empresa seria do ex-vereador Paulo Pedra.

Terceira:

A Ranking, que saiu hoje, registrada no TREMS nº 00446/2018,, entrevistou 1.200 pessoas e contabilizou apenas “votos válidos”, entre 20 a 23 deste mês: Azambuja apareceu com 53.53% e o ex-juiz Odilon com 46.47%. A diferença Pró-Azambuja é de 7,06%.

Quarta:

Saiu hoje também a Pesquisa do Ibrape, a mais tradicional deste estado no ramo. Registrada TREMS: nº 04982/2018, realizada entre 20 e 22 deste mês. 1.460 entrevistas, margem de erro de 3% para mais ou para menos, apenas votos válidos: Reinaldo Azambuja 54% e Odilon 46%. Diferença Pró-Azambuja 8 pontos.

Quinta:

A boa notícia do dia: A Ministra Laurita Vaz do STJ mandou soltar o advogado João Paulo Calves, que estava preso desde o dia 20 de julho. Ela ‘determinou’ o cumprimento imediato da sentença por achar a prisão dele desnecessária. Essa soltura poderá ser estendida ao ex-governador André Puccinelli e seu filho que estão na mesma causa e na mesma situação.

Sexta:

O prefeito Marquinhos Trad (PSD) transformou ontem a Guarda Municipal em Polícia Municipal, e já abriu concurso para a contratação de mais 350 servidores para a instituição, que agora conta com 1.118 pessoas.

Sétima:

Há muita tensão no ar em relação ao encerramento da campanha dos dois candidatos ao governo do estado. Nos programas eleitorais nas rádios e tevês o que estamos ouvindo e assistindo é um massacrando o outro. Os eleitores estão torcendo para que domingo chegue logo e a vida volte ao normal.

Oitava:

Delegado e agentes da delegacia de Dourados vão responder pelo homicídio praticado contra um cidadão de 73 anos, acusado de estupro, e que foi massacrado ao ser colocado numa cela com outros 14 presos, morrendo em consequência das agressões sofridas.

Nona:

Quem disse: “Ter-me-iam bastado um cabo e dois soldados para fechar o Congresso?”. Se você respondeu Eduardo Bolsonaro, errou. Essa frase foi pronunciada primeiro pelo ex-presidente Jânio da Silva Quadros, em 25 de Agosto de 1961. Juristas e jornalistas ignoram que ela já tenha sido dita…

Décima:

Na China foi inaugurada ontem uma ponte sobre o mar com a extensão de 50 quilômetros. Demorou 9 anos para ser construída. Aqui em nosso estado, a ponte sobre o Rio Paraguai com 250 metros, ligando Porto Murtinho a Carmelo Peralta, está com 2 anos e ainda nem saiu do papel. É por isso que a China é a China.

CHICOTADA DO DIA!

Em Cuiabá uma cabeleireira, casada, arrumou um amante no Facebook e escafedeu com ele para Santo Antônio do Leverger – 35 KMs daquela Capital – e inventou uma história para seus familiares de que “havia sido sequestrada”. Deu polícia na parada e acabaram descobrindo o paradeiro da fujona que foi enquadrada em ‘falsa comunicação de crime’ junto com o namoradão. Nem precisa dizer que o corno do marido pediu o divórcio. Como diz o Juca Chaves: Água de morro abaixo, fogo de morro acima e mulher quando tá com fogo, ninguém segura.

Meus amigos!

Os irmãos Alexandre e Diogo Bossay; Pastoras Deniele e Márcia, de Aquidauana; Pessoal do site Midiamax; Desembargador Carlos Stephanini. Edil Albuquerque.

Aniversariantes do dia!

Waldir dos Santos Pereira Junior; Lucas Abes Xavier e Manu Contar.

Amanhã eu volto.

Fuuuuuuuuuuuui.

Comentários

Comentários