Veterinário Francisco participa de entrega de equipamentos cirúrgicos ao CCZ

Foto: Câmara Municipal de CG

O vereador Veterinário Francisco (PSB) participou na manhã de sexta-feira (7) da entrega de equipamentos cirúrgicos para o CCZ (Centro de Controle de Zoonoses) que foram adquiridos por meio de uma emenda parlamentar, do veterinário, no valor de R$ 50 mil que faz parte do Fundo de Investimentos Sociais (FMIS). “Eu ainda não estou 100{d124abb9778216420301f7a7fdee54f2d809ca471a8d69088da1a3e9d609e3df}, mas para participar dessa entrega de equipamentos cirúrgicos e pela causa animal eu fico 100{d124abb9778216420301f7a7fdee54f2d809ca471a8d69088da1a3e9d609e3df}. Eu estou muito feliz por essa emenda de minha autoria tenha sido realizado. Faz muito tempo que o CCZ não tinha equipamentos, gaiolas novas. Na minha época nos dependíamos de equipamentos de segunda mão”, explica o parlamentar.

O CCZ recebeu seis baias, que cabem cinco animais, equipamentos de tosa, aparelho bucal, medicação, kits de castração para cadelas e gatas, laringoscópio.

O prefeito de Campo Grande, Marquinhos Trad (PSD), explicou que a bandeira da causa animal é uma que ele trabalha bastante e tem orgulho pelo trabalho feito pelos funcionários do CCZ  é com dedicação e amor aos animais.”Criticas é uma coisa natural do ser humano. È mais fácil criticar, mas uma coisa que eu não deixo que critiquem é o trabalho dos funcionários do CCZ. Eu falo quando escuto criticas daqui que a pessoa deve ficar um dia no CCZ para saber como é o trabalho de amor e dedicação que é feito aqui. Boa vontade aqui no CCZ tem de sobra. Não adianta reclamar dos funcionários daqui se eles não tem como trabalhar. A causa animal é uma bandeira que eu tenho levantado junto com o veterinário Francisco desde as eleições”, comentou o prefeito.

A  coordenadora do CCZ, Iara Domingos, explicou que o centro estava sem receber equipamentos e materiais há mais de 10 anos e que faziam os trabalhos com equipamentos antigos que faziam com que os médicos tivessem que fazer manobras mais evasivas.

Ela explica ainda que  CCZ realiza, em média, 100 procedimentos de castração por dia e com a aquisição dos novos equipamentos esse número pode aumentar, além do aumento do quadro de veterinários para mais cinco profissionais.

O vereador veterinário Francisco (PSB) destinou para 16 instituições R$ 180 mil provenientes do Plano de Aplicações de Recursos do Fundo de Investimentos Sociais (FMIS). Desse montante, sete instituições receberam um total de R$ 90 mil na área de Saúde. Já na Assistência Social foram contempladas nove instituições na ordem de R$ 90 mil. Para CCZ foi repassado R$ 50 mil para ser usado na compra de material de consumo ou permanentes, não podendo ser destinados à compra de alimentos ou aplicados no pagamento do quadro de pessoal da instituição.

Cada vereador pode destinar um total de R$ 180 mil nas áreas de assistência social e saúde. Os recursos foram previstos na lei orçamentária do município e, depois, o valor do fundo foi especificado em lei municipal.

O FMIS repassa recursos financeiros para entidades de assistência social e de saúde da Capital, por meio de emendas dos parlamentares. Cada vereador pôde destinar até R$ 80 mil em 2017 para as instituições que prestam serviço de atendimento de saúde à população.

Créditos Eduardo Penedo / Assessoria de Imprensa do Vereador

Comentários

Comentários