Veterinário Francisco cobra reforma de academias ao ar livre

Foto: Câmara Municipal de CG

A população que cada vez mais está preocupada com a saúde e a qualidade de vida está praticando mais exercícios e Campo Grande, que é uma capital verde, é um local mais propício para prática de esportes, mas infelizmente várias academias ao ar livre nos bairros da Capital Morena estão em péssimo estado de conservação, atrapalhando a prática de musculação de jovens e idosos. “Visitando alguns bairros como o Caiçara, por exemplo, vemos uma linda praça, mas com a academia ao ar livre sem manutenção que pode até causar um acidente aos frequentadores”, explica o vereador Veterinário Francisco (PSB).

No bairro Caiçara, a academia ao ar livre na praça situada na Rua Melvin Jones, esquina com a Rua da Pátria, precisa de manutenção urgente. “Se você passar pela manhã cedo ou fim de tarde pode ver vários idosos e jovens caminhando e se exercitando, no entanto a academia está com alguns equipamentos estragados. Fato que dificulta  a prática de exercícios”, argumenta.

O veterinário Francisco lembra que Campo Grande é a segunda capital do Brasil com maior número de pessoas obesas, segundo mostrou a pesquisa de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel) realizada pelo Ministério da Saúde em todas as capitais do país.

O levantamento, feito com 2.011 campo-grandenses com plano de saúde, aponta que 55,4{d124abb9778216420301f7a7fdee54f2d809ca471a8d69088da1a3e9d609e3df} dos entrevistados declararam estar acima do peso ideal e que 17,3{d124abb9778216420301f7a7fdee54f2d809ca471a8d69088da1a3e9d609e3df} já atingiram níveis de obesidade.

Esse resultado coloca a Capital em 11º lugar no ranking nacional, o que representa melhora em relação à pesquisa de 2015, quando a cidade foi a campeã tanto no sobrepeso quando na obesidade, quando os percentuais desses dois quesitos atingiram 59,7{d124abb9778216420301f7a7fdee54f2d809ca471a8d69088da1a3e9d609e3df} e 22,3{d124abb9778216420301f7a7fdee54f2d809ca471a8d69088da1a3e9d609e3df}, respectivamente.

Essa redução, embora seja boa, não traz motivos para comemorações, já que a cidade teve o maior percentual de entrevistados que declararam consumir carnes com excesso de gordura (47,4{d124abb9778216420301f7a7fdee54f2d809ca471a8d69088da1a3e9d609e3df}). Na pesquisa anterior, a cidade já havia ocupado o topo do ranking com 39,7{d124abb9778216420301f7a7fdee54f2d809ca471a8d69088da1a3e9d609e3df}, ou seja, o mau hábito aumentou na cidade. Consequentemente, a Capital apresentou um dos maiores índices de homens (47,4{d124abb9778216420301f7a7fdee54f2d809ca471a8d69088da1a3e9d609e3df}) com esse mau hábito e o maior entre as mulheres (34,9{d124abb9778216420301f7a7fdee54f2d809ca471a8d69088da1a3e9d609e3df}).

Além de manutenção de academias ao ar livre, foram feitas indicações também de manutenção do parque infatil no Elias Gadia indicação para limpeza de ruas e terrenos baldios, serviços de patrolamento e encascalhamento, tapa-buraco e sinalização semafórica. “Nós cobramos todos os dias do Poder Público mais ações para melhorar a infraestrutura e a qualidade de vida. A minha função como vereador é fiscalizar e cobrar do poder público, mas preciso da ajuda da população para que seus problemas sejam ouvidos”, explica o parlamentar.

A Funesp (Fundação Municipal de Esporte) explicou está em processo licitatório para contratar uma empresa para fazer a manutenção das academias. Atualmente, Campo Grande conta com 70 academias ao ar livre e o órgão ainda pretende implantar mais 10 academias para atender a população.

Comentários

Comentários