Universidades aumentam rigor e reduzem vagas do Fies

O Ministério da Educação divulgou nesta semana o resultado da pré-seleção do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), mas diferente de anos anteriores, esta edição tem menos vagas ofertadas, e a novidade é o maior rigor na concessão do benefício. O corte das vagas do fies no Mato Grosso do Sul chegou a 70{d124abb9778216420301f7a7fdee54f2d809ca471a8d69088da1a3e9d609e3df} nos últimos dois anos, de 13.671 mil oferecidas em 2014 caiu para 4.057 mil vagas oferecidas neste ano para novos estudantes, o que representa 1,6{d124abb9778216420301f7a7fdee54f2d809ca471a8d69088da1a3e9d609e3df} do total de vagas abertas em todo o país.

Nesta edição, o Ministério da Educação também estipulou requisitos mínimos para obter o benefício, o principal deles é a nota de corte mínima de 450, a partir de acordo com a pontuação obtida no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

Anteriormente, o processo de seleção dos candidatos ao financiamento contava com menos burocracias, o objetivo era apenas ofertar o benefício que poderia chegar a 100{d124abb9778216420301f7a7fdee54f2d809ca471a8d69088da1a3e9d609e3df} do financiamento do valor da mensalidade. Correio do Estado

Comentários

Comentários