Trio é preso com carga de cocaína avaliada em R$ 200 mil na BR-262

Após sete horas de diligências e perseguição, policiais da Denar (Delegacia Especializada de Repressão ao Narcotráfico) prenderam na madrugada desta segunda-feira, três homens envolvidos no tráfico de cocaína na BR-262, região de Indubrasil. Com eles, 17,5 quilos de cocaína e 1,5 quilo de cloridrato, usado para refinar a droga e que poderia triplicar o volume. A droga apreendida é avaliada em R$ 200 mil.

A investigação começou há mais de 60 dias, mas ontem, às 17 horas, tiveram inícios digilência que culminaram na prisão de Diogo de Lima Godoy, 32 anos, Gustavo Lopes de Souza, 34 anos e Vagner Ferreira Sales, 27 anos.

Cada um estava em um veículo: uma Tucson, um Vectra e uma camionete Hillux. Durante a perseguição do trio, depois que o condutor da Tuscon furou a barreira, foram disparados tiros no pneu e o Vectra parou após apresentar pane. A droga foi jogada às margens da rodovia, mas os policiais avistaram e recolheram.

Os veículos trafegavam no sentido Indutrasil – Campo Grande e a droga vinha de Corumbá. A polícia não informou qual a dinâmica do tráfico, em quais locais a droga era distribuída, mas adiantou que os envolvidos faziam de 03 a 04 viagens por mês.

Dos suspeitos, somente Diogo não tinha passagens pela polícia. Vagner tinha passagem por tráfico e roubo e Gustavo por tráfico. O irmão de Vagner, que se chama Vander, inclusive já foi preso anteriormente no mesmo veículo que ele dirigia, a Tucson, em cumprimento a mandado de prisão em aberto.

Fonte: Campo Grande News

Comentários

Comentários