Sérgio Longen pode ter candidatura impugnada

Foto: Minamar Júnior / Midiamax

Após a FIEMS ser alvo da Operação Fantoche que investiga suposto esquema de corrupção no grupo de empresas do Sistema S deflagrada no último dia 19 de março deste ano foi registrado na terça-feira (5) na secretaria da entidade o pedido de impugnação da Chapa Única do atual presidente Sérgio Longen alvo da intervenção da Policia Federal e que teve seus bens bloqueados pela Justiça Federal e o sigilo bancário “quebrado”. Esta é a quarta vez que o investigado está tentando uma reeleição. No edital publicado pelo DOE Longen aparece mais uma vez como candidato a presidência da federação, no qual preside a há três anos. A impugnação da candidatura deve ser registrada na Secretaria da FIEMS no prazo de cinco dias. A Federação informou que até a próxima quinta-feira (7) receberá os pedidos.

Comentários

Comentários