Quilos por gols: Thalles encara balança e concorrência para ser titular

Jovem atacante do Vasco diz que perdeu quatro quilos, está com 93kg e quer chegar a 90kg. Apesar da melhora, Leandrão ameaça vaga

Socos na mesa e bronca de Jorginho. Essa era a realidade de Thalles, atacante do Vasco, em outubro do ano passado.

– Nós temos o Thalles, que é um jovem jogador, mas eu estou cansado de cobrar, já cobrei, já estou enchendo o saco dele, porque tem que ter comprometimento. Já estou por aqui já com esse negócio de comprometimento. Deveria ter vindo treinar, não veio, entendeu? Então, tudo isso vai, vai, vai engasgando a gente.

Esse puxão de orelha do treinador vascaíno no atacante foi dado no fim de outubro do ano passado. Na época, o Thalles faltou a um treino antes do jogo contra o Grêmio, pela Série A do Brasileiro, por conta do falecimento do avô. Era esperado na concentração à noite, mas não apareceu.

– Aquilo ali foi mais uma falha de comunicação. Mas em alguns momentos a oportunidade aparecia e eu não estava bem, não aproveitava. Às vezes, entrava num jogo e não ia tão bem, não correspondia ao que o treinador queria e fui me desanimando um pouco, cara – conta o jogador.

Junto com o desânimo, sobrepeso. Com 1,85m de altura, beirou os 100kg. Passou de atacante promissor, que já defendeu a seleção brasileira olímpica, a reserva do reserva no clube, no ano passado.

– Carreira de altos e baixos, né, cara? Oscilei muito. Tive momentos muito bons e momentos ruins – admite.

Era preciso trocar quilos por gols. No clube, programação específica elaborada pelo Centro de Rendimento Esportivo, preparadores físicos e nutricionista.

– Ele chegou com a receita, né, das coisas que ele tinha que comer. Aí, a nutricionista lá no Vasco falou para eu procurar fazer mais ele comer em casa, para evitar dele estar comendo na rua – conta Guiomar, mãe do atacante.

E para fazer o Thalles entrar na linha e perder peso foi criada uma força-tarefa na família. Todo mundo ajuda: a mãe, o pai, a sobrinha, e o resultado começa a aparecer. Hoje ele pesa 93kg e diz que já perdeu quatro. A meta é reduzir um pouco mais:

– Já estou me sentindo bem com esse peso, mas eu pretendo chegar a 90kg, 89kg, acho que é meu objetivo para poder dar um grande passo, pra poder me afirmar no Vasco esse ano.

Os números da temporada mostram avanço. Em 2015, foram apenas quatro gols em 30 jogos. Esse ano, fez sete em 22 partidas. A saída de Riascos para o Cruzeiro escancarou a vaga de titular para o jovem de 21 anos, mas um concorrente reapareceu. Leandrão, de volta após defender o Boavista por empréstimo, fez dois gols na primeira chance como titular, contra o Joinville, e acabou mantido por Jorginho contra o Atlético-GO. É o mais cotado para começar a partida desta terça-feira, contra o Náutico, em São Januário, às 19h15, pela Série B.

Além disso, o Vasco ainda quer contratar um atacante. A confiança de Thalles voltou, e ele acredita ser capaz de retomar a camisa 9.

– Acho que chegou o momento, cara. Acho que não posso mais vacilar, mas esse ano eu estou completamente focado. Acho que mesmo chegando um centroavante aí a concorrência vai ser boa, mas o meu foco é sempre estar entre os titulares e manter essa vaga até o fim do ano.

Fonte; Ge

Comentários

Comentários