Professora morre vítima de dengue em MS

Foto: Capital do Pantanal

CORUMBÁ-MS (Correspondente) – O surto de dengue no município infelizmente fez mais uma vítima. Desta vez a professora Dúnia Safa (24), que morreu após dar entrada no último dia 10 no CTI da Santa Casa. O diagnóstico da docente foi Dengue tipo 2, no estágio D, o mais grave e letal da doença. O quadro foi confirmado após exames de plaquetas e iniciado o tratamento, mas ela não resistiu e veio a óbito na quarta-feira (5).

Desabafo de um Agente de Endemias Aposentado – Guga Mancini

Peço desculpa a Família de Dúnia para poder fazer esta postagem, pois não a conheci quando morei em Corumbá, mas não poderia omitir ou me calar diante desta passagem prematura desta jovem, quero aqui externar os meus sinceros pêsames a esta Família Corumbaense, e fazer este desabafo abaixo:
É preciso uma trágica morte de uma jovem por Dengue, mas Dúnia Safa será mais uma na lista de vitimas da Dengue, isto por causa de parte da população que não se preocupa em manter seu quintal limpo e sem água parada, fui Agente de Endemias no Município de Corumbá, e sei como é difícil exercer esta função, apesar de todo esforço do CCZ e Secretaria Municipal de Saúde em tentar controlar o vetor que transmite não só a Dengue, mas outras Endemias e parte da população não fazer o seu dever de casa, muitas vezes quando ainda na função de Agente fazíamos a limpeza de um imóvel e quando lá retornávamos tudo estava cheio de reservatórios e criadouros do aedes aegypti, vejo que todos os seguimentos da sociedade Corumbaense deveriam se unir e os poderes constituídos dar respaldo legal para a cobrança de multas, e do serviço de limpeza do imóvel que estiver em situação critica para a infestação deste famigerado mosquito, não quero dizer aqui nomes, mas temos que buscar meios para combater este mal que afeta toda a população do Pantanal, seja até mesmo uma ação bi lateral com a Bolívia, impondo lei e mecanismos de punição a quem não fizer e manter o seu terreno ou quintal limpo de criadouros do mosquito aedes aegypti, não são todos que veem os Agentes de Endemias como um propagador de informações sobre as diversas endemias, mas uma parte da população os vê como meros agente de limpeza, quando o Agente de Endemias tiver poder para lavrar multa e ate mesmo interditar um imóvel por motivo de que o mesmo esteja em situação de risco para saúde publica, vamos sim vencer a luta contra todas as endemias causadas não só pelo aedes aegypti como todas as demais endemias.
Este é o meu pensamento com relação a Dengue e demais endemias, se não tomarmos medidas drástica vamos ter mais jovens morrendo de Dengue, Leishmaniose, Febre Amarela, Chikungunya e tantas outras Endemias. É o que penso e escrevo
Guga Mancini

*Leitor da BOCADOPOVONEWS que nós enviou este desabafo.

Comentários

Comentários