Preso da Operação Omertá ganha liberdade em Campo Grande

Rudney Machado Medeiros preso a 29 dias durante a Operação Omertá deflagrada no dia 27 de setembro está em liberdade. Mortadela” como é conhecido deixou o centro de Triagem na manhã de domingo (27) e usou as redes sociais para agradecer. “Dias difíceis, mas graças a Deus em paz consciência tranquila. Deus sabe de todas as coisas. Obrigado família e amigos pelas orações”. Rudney está fora da maior investigação feita pelo GAEGO. Segundo denúncias ele faria parte do núcleo de apoiadores da organização criminosa suspeita de execuções sumárias no Estado e especialmente na Capital.

Comentários

Comentários