Prepare-se: conta de luz vai subir em junho no Estado

A Energisa-Ms embora tenha reduzido em média 1,92{d124abb9778216420301f7a7fdee54f2d809ca471a8d69088da1a3e9d609e3df} este mês, em junho vai subir. Serão aplicados 3,62{d124abb9778216420301f7a7fdee54f2d809ca471a8d69088da1a3e9d609e3df} de reajustes referentes a indenização de R$ 62,2 bilhões que os consumidores vão ter de pagar às empresas transmissoras de energia. O percentual pode ser maior ainda por causa dos impostos.

Rosimeire Cecília da Costa, presidente do Concen (Conselho dos Consumidores da Área de Concessão da Energisa MS), alertou sobre o aumento, após acompanhar a reunião da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

A agência decidiu pela redução, mas apontou que o custo das indenizações às transmissoras vai ter o impacto de 3,62{d124abb9778216420301f7a7fdee54f2d809ca471a8d69088da1a3e9d609e3df} na tarifa da Energisa-MS a partir de junho.

Comentários

Comentários