Plano Setorial da Dança faz diagnóstico da arte em quatro cidades do Estado

Com o objetivo de atender as demandas, traçar diretrizes e lançar ações norteadoras de políticas públicas para a arte em Mato Grosso do Sul, gestores da Fundação de Cultura que compõem a comissão do Plano Setorial de Dança iniciam reuniões com artistas e produtores culturais dos municípios de Aquidauana, Corumbá, Bodoquena e Coxim.

Os seminários do Plano Setorial da Dança acontecem nas respectivas datas: terça-feira (20) em Aquidauana; quarta (21) em Corumbá; sexta (23) em Bodoquena; e dia 28 de outubro (quarta-feira) em Coxim.

Nos encontros, os gestores, produtores e artistas poderão preencher um questionário e debater políticas de médio e longo prazo para o fomento de todas as formas de dança no Estado. “Este pré-diagnóstico é muito importante, uma vez que quanto mais respostas conseguirmos mais certeiras serão as propostas apresentadas pelo Plano Setorial da Dança”, avalia Fabíola Marques, responsável pela comissão.

O objetivo da comissão é conhecer a situação da dança nos 79 municípios do Estado. Para isso, a Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul realizará um levantamento sobre a dança junto aos agentes e gestores de cultura envolvidos com a arte.

Os resultados deste levantamento serão utilizados para estabelecer as prioridades e ações que irão compor o Plano Setorial de Dança – 2016-2025, que está em processo de construção. A participação de cada agente cultural é fundamental para a identificação das necessidades locais e regionais para a área.

O Plano Setorial de Dança do Mato Grosso do Sul tem como pressuposto atender as demandas de todas as manifestações artísticas de dança, valorizando a produção do Estado em sua diversidade estética e levando em consideração seus diferentes contextos regionais, sociais, econômicos, políticos e artísticos.

Com esse instrumento, espera-se que os benefícios das políticas culturais implementadas sejam acessados pelos agentes da dança de todo o Estado. As propostas a serem implementadas ao longo dos próximos anos são estruturadas em diretrizes e ações que estão articuladas aos temas de Gestão e Políticas Culturais; Economia e Financiamento da Dança; Formação em Dança e de Público; Pesquisa, Criação e Produção em Dança; Difusão e Circulação de Dança; Registro e Memória da Dança, em conformidade com o Plano Nacional de Dança que integra o Plano Nacional de Cultura.

Serviço –  Na terça-feira (20), o seminário do Plano Setorial de Dança de Mato Grosso do Sul acontece a partir das 10 horas na Rua Cândido Mariano, 462, Centro de Aquidauana, ao lado do Museu de Arte Pantaneira.

Mais informações:

 Núcleo de Dança – Fundação de Cultura – (67) 3316-9169

Assessoria de Projetos – Fundação de Cultura (67) 3316-9170

E-mail: [email protected]

Visite o site: http://www.fundacaodecultura.ms.gov.br/plano-setorial-da-danca-ms/

Comentários

Comentários