Pixuleco atrai milhares de pessoas e consegue mil assinaturas

O boneco inflável de 15 metros de altura com a caricatura de Lula vestido com roupa de presidiário atraiu mais de duas mil pessoas nos últimos dois dias na Capital (26 e 27).

Com ele, o Movimento Pátria Livre conseguiu mil assinaturas para o projeto do Ministério Público Federal que defende 10 medidas contra a corrupção e pretende reunir ao todo 1,5 milhão de assinaturas em todo o Brasil.

O Pixuleco ficaria em Campo Grande até hoje. À tarde, estaria na Praça Ari Coelho, centro da cidade. Mas foi levado para Brasília a pedido dos coordenadores nacionais para marcar presença num protesto em frente ao Superior Tribunal Federal.

A vinda do Pixuleco representa a indignação dos brasileiros ao fatiamento da Operação Lava-Jato pelo STF e o apoio ao juiz Sérgio Moro e procuradores da força-tarefa, cujo trabalho já levou delatores a devolver R$ 1,5 bilhão.

A inscrição “13-171” na roupa do boneco faz menção ao número do Partido dos Trabalhadores, 13, e ao artigo 171 do Código Penal o desejo da população em ver o chefe do “Petrolão” atrás das grades.

Comentários

Comentários