Número de clientes da MSGÁS cresce 27{d124abb9778216420301f7a7fdee54f2d809ca471a8d69088da1a3e9d609e3df} em 14 meses

Foto: Raquel Pereira – Companhia de Gás do Estado de Mato Grosso do Sul (MSGÁS)

Após conquistar dois recordes de distribuição no mês de agosto, nos segmentos comercial e residencial, a Companhia de Gás do Estado de Mato Grosso do Sul (MSGÁS) teve um incremento de 27{d124abb9778216420301f7a7fdee54f2d809ca471a8d69088da1a3e9d609e3df} entre outubro/2017 e novembro/2018, no número de unidades consumidoras. Os números foram apresentados pela Gerência Comercial da Companhia, no último relatório mensal, e o número passou de 6.468 para 8.201 clientes.

Para o diretor-técnico e comercial da MSGÁS, Bernardo Prates, os resultados são fruto do trabalho que a Companhia vem realizando em duas frentes: “A primeira é levar ao conhecimento da sociedade sul-mato-grossense dos inúmeros benefícios do gás natural canalizado em relação aos outros combustíveis concorrentes. A segunda foram as melhorias promovidas na gestão dos processos internos, visando atender as demandas com maior rapidez, em busca permanente da satisfação do cliente”, explica.

No acumulado de janeiro a novembro deste ano, em relação ao mesmo período do ano passado, 2018 apresentou um aumento de distribuição de 31{d124abb9778216420301f7a7fdee54f2d809ca471a8d69088da1a3e9d609e3df} no segmento industrial, 23{d124abb9778216420301f7a7fdee54f2d809ca471a8d69088da1a3e9d609e3df} no setor comercial e 40{d124abb9778216420301f7a7fdee54f2d809ca471a8d69088da1a3e9d609e3df} no residencial. Ao todo o segmento não térmico – representado pelos consumos de residências, indústrias e comércio – obteve um incremento de 31{d124abb9778216420301f7a7fdee54f2d809ca471a8d69088da1a3e9d609e3df} na distribuição.

O segmento automotivo também teve crescimento nesse último mês, podendo ser considerado um recorde dos últimos 23 meses, foram 6{d124abb9778216420301f7a7fdee54f2d809ca471a8d69088da1a3e9d609e3df} de aumento no consumo do gás natural veicular.

Texto: Raquel Pereira – Companhia de Gás do Estado de Mato Grosso do Sul (MSGÁS)

Comentários

Comentários