Mochi demonstra preocupação com falta de segurança nas fronteiras(foto03)

O presidente da Assembleia Legislativa, Junior Mochi (PMDB), disse em entrevista coletiva que a Casa de Leis tem discutido e encarado com preocupação a ausência de um Plano Nacional de Fronteiras que aumente a segurança nos municípios de Mato Grosso do Sul. O deputado analisou a questão da violência na fronteira ao comentar a morte do ex-deputado estadual Oscar Goldoni, assassinado em Ponta Porã na terça-feira (15).

Mochi lembrou que era prefeito na mesma época em que Goldoni exerceu o mandato de deputado federal e que, por duas vezes, ele destinou recursos de emendas ao Orçamento da União para o município de Coxim. A Assembleia Legislativa fez minuto de silêncio em respeito ao ex-deputado e aprovou o envio de Moção de Pesar aos familiares de Goldoni.  Junior Mochi destacou ainda que, em recente visita do ministro Vital do Rêgo Filho, do TCU (Tribunal de Contas da União) à Assembleia Legislativa, foram discutidas ações conjuntas para consolidar o Plano Nacional de Fronteiras.

Comentários

Comentários