Governo estuda liberar saldo do FGTS

Foto Divulgação

O governo federal deve permitir que os trabalhadores saquem até 35% dos recursos de suas contas ativas do FGTS. O Ministério da Economia estima que seja injetado na economia até R$ 42 bilhões. O plano é uma tentativa de reanimar a economia, via consumo, ainda este ano.

Comentários

Comentários