Dr. Sami apresenta projeto Fila Zero para pacientes com câncer

Foto Divulgação

De acordo com dados do INCA (Instituto Nacional de Câncer) o Brasil deve registrar mais de 625 mil novos casos da doença (o que inclui todos os tipos da neoplasia) em 2020. Desse total, aproximadamente 10 mil casos devem ocorrer em Mato Grosso do Sul.

Visando proporcionar celeridade no tratamento de pessoas diagnosticadas, o vereador Dr. Wilson Sami apresentou no último dia 04 de fevereiro, projeto que institui o Programa Fila Zero em Campo Grande, que prevê atendimento prioritário a pessoas com câncer.

De acordo com o projeto, as unidades de saúde da Capital devem priorizar o atendimento dos pacientes diagnosticados com a doença, principalmente no agendamento de consultas e/ou exames, no prazo máximo de 72 horas após o encaminhamento médico.

“Sabemos sobre a importância do tratamento imediato, o que aumenta consideravelmente os índices de cura da doença. Os pacientes devem ter prioridade no atendimento”, explica Dr. Sami.

O projeto prevê ainda que as empresas públicas de transporte e as concessionárias de transporte coletivo reservarão assentos, devidamente identificados, aos idosos, às gestantes, às lactantes, às pessoas com deficiência, às pessoas com crianças de colo e aos pacientes com neoplasia maligna que estejam se submetendo a quimioterapia ou radioterapia.

O projeto foi protocolado e aguarda votação.

Comentários

Comentários