Deputado Dr. Paulo Siufi, debate na ALMS sobre Doenças Raras

Foto: Luciana Nassar / ALMS

Pacientes com doenças raras poderão contar com mais um apoio em MS. A criação de uma Câmara Técnica para Pessoas com Doenças Raras. Isto diminuirá os tramites judiciais por medicamentos e tratamentos no Estado. Esta medida é resultado da audiência pública promovida nesta segunda-feira (23) pela Assembleia Legislativa em proposição do Deputado Estadual Dr. Paulo Siufi (PMDB).

A Parceria será formada pelo CRM; CRF, Poder Legislativo e Judiciário que irão cobrar responsabilidade junto ao Comitê Estatual do Fórum do Judiciário para a Saúde. O Deputado Paulo Siufi explicou que ‘Quem responderá pela demora do medicamento? Muitas vezes é questão de gestão. De que adianta fechar um diagnóstico e depois não ter acesso ao tratamento? Aí as pessoas vão às promotorias, ao Legislativo ou à judicialização. A audiência pública é para isso, para expor os problemas, brigar para o Mato Grosso do Sul e por essas pessoas que não querem dó, nem pena, querem é que seus direitos constitucionais sejam respeitados’.

E por fim o desembargador Nélio Stábile representante do Fórum ressaltou que ‘a intenção é cobrar o Poder Público, para um melhor atendimento à população. Evitar que se tenha gasto adicional e aumento no fluxo de processos, de assuntos cuja obrigação e dever é do Estado, como está claro na Constituição’.

Comentários

Comentários