Crianças que convivem com animais tendem a ter menos alergia aos pelos

Alérgenos vem, principalmente, da pele, urina e saliva do animal.
Ter contato com bicho desde bebê protege as crianças.

No mundo inteiro, cada vez mais pessoas têm alergia.

No Brasil, mais da metade das casas tem um animal de estimação, mas será que a criança pode desenvolver alergia se ficar perto do bichinho ou é melhor ter esse contato desde cedo?

Alergia a pelo tem tratamento, como mostrou oBem Estar desta quinta-feira (16) com a médica alergista Dra. Ariana Yang e a pediatra, consultora do programa e colunista da Revista Crescer, Doutora Ana Escobar.

A médica Ariana Yang explica que embora todo mundo ache que o pelo é a causa da alergia, isso não é verdade. O pelo carrega os alérgenos, é o veículo que transporta.

Alergia é sempre uma reação do sistema imune a uma proteína, essa proteína, também chamada de alérgeno, pode vir de vários lugares e vem principalmente da pele, da urina e da saliva do animal.

Fonte: Bem Estar

Comentários

Comentários