Criança de sete anos é internada na UTI, após ser estuprada pelo padrasto

Uma menina de sete anos está internada na UTI do Hospital Universitário de Dourados,  depois de ser estuprada pelo padrasto de 29 anos, que já está preso. O crime aconteceu  na aldeia Jaguapiru, próximo a aldeia Boróro. A menina foi levada ao hospital em estado grave e submetida a uma cirurgia de reconstrução do períneo.

Maurinho de Souza, 29, padrasto da menina, foi preso logo após o crime, por lideranças indígenas na aldeia, que o entregaram à polícia. Segundo o boletim de ocorrência, ele mora há algum tempo com a mãe da garota e ontem saiu com a menina para para comprar pão, momento em que aproveitou para cometer o abuso.

Na delegacia, o autor confessou o crime e colocou a culpa na “cachaça”.

Comentários

Comentários