CPI da JBS viajarão até unidades da JBS para confirmarem itens relacionados em notas fiscais

O primeiro frigorífico do grupo JBS a ser visitado pelos deputados estaduais que integram a CPI da Propina, da Assembleia Legislativa, será no município de Ponta Porã. A visita ocorrerá na data de amanhã, quarta-feira (16). Os parlamentares irão de avião até a unidade.

A visita é com o intuito de os parlamentares verificarem uma existência de equipamentos listados em 330 notas fiscais. Paulo Corrêa, deputado e presidente da comissão informou que os itens a serem investigados é a presença de cinco compressores de ar na unidade.

Não se iniciou ainda a apuração das denúncias que levaram os pedidos de impeachment do governador Reinaldo Azambuja (PSDB) de uma suposta cobrança de propina para liberação dos benefícios fiscais, no qual agentes públicos teriam recebido dinheiro para favorecer os interesses da empresa. Por ora, apenas os TAREs são alvos da CPI.

A comissão é composta por cinco deputados contudo Paulo Corrêa, Paulo Siufi e Eduardo Rocha, ambos do PMDB, deverão ir até Ponta Porã. Contudo Pedro Kemp (PT) e Flávio Kayatt (PSDB) poderão não irem devidos a compromissos na mesma data.

A Assembleia autorizou quatro viagens áreas e farão adesão a uma ata de preço do governo estadual. Além de Ponta Porã, os deputados visitarão frigoríficos nos municípios de Coxim, Cassilândia, Nova Andradina, Anastácio, Campo Grande e Naviraí.

Somente os três deputados farão o deslocamento aéreo. O restante da equipe, que são três auditores fiscais, assessores, uma equipe da TV Assembleia e um fotógrafo farão o deslocamento de van.

Comentários

Comentários