Coronel David e demais membros da CPI dos Combustíveis entregam relatório aos órgãos fiscalizadores

Comissão foi recebida pelo procurador-geral do MPE, Paulo Passos
O deputado estadual Coronel David (PSC) junto com os demais parlamentares, Beto Pereira, João Grandão e Ângelo Guerreiro, que participaram da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) dos Combustíveis iniciaram nesta terça-feira (05) a peregrinação pela entrega do relatório final aos órgãos fiscalizadores, fato que estava previamente acertado entre os membros da Comissão. Na tarde de hoje, os deputados estiveram no Ministério Público Estadual (MPE).
Os parlamentares foram recebidos pelo procurador-geral do órgão, Paulo Passos, que garantiu analisar com cuidado os mais de 20 mil documentos contidos no Inquérito. Os deputados também devem entregar o relatório da CPI para a Controladoria-Geral da União (CGU) nesta quarta-feira (06), e na quinta-feira (07), será a vez de protocolar o documento no Ministério Público Federal (MPF).
“Este é mais um passo que damos em nossa caminhada, pois reitero o compromisso que fizemos na votação da CPI, de que, o nosso trabalho não encerrou”, falou o deputado estadual Coronel David e acrescentou que, “com base, nas constatações que fizemos na Comissão Parlamentar de Inquérito, acredito que estes documentos devam servir de subsídio para que estes órgãos controladores tomem providências e apurem os indícios de irregularidades que encontramos”.
 
CPI dos Combustíveis
Com o objetivo de investigar eventuais irregularidades nos preços praticados na distribuição e comercialização de combustíveis em Mato Grosso do Sul, no ano de 2015, é que foi promovida uma audiência pública que deu origem a CPI dos Combustíveis. Distribuidores, donos de postos de combustíveis e representantes de órgãos públicos fiscalizadores foram chamados para participar da investigação.
A Comissão que é formada pelo presidente Beto Pereira, vice-presidente João Grandão, relator Maurício Picarelli e os membros Coronel David e Ângelo Guerreiro aprovaram com unanimidade o relatório com apenso que será enviado com indicações de tomadas de providências aos órgãos da Agência Nacional de Petróleo (ANP), MPF, MPE, Tribunal de Contas da União (TCU), CGU, Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE) e a Secretária de Acompanhamento Econômico (SEAE).

Comentários

Comentários