CHUVAS ATERORIZAM CAPITAL

Estragos, falta de segurança, descaso

REGIONAIS_10

As chuvas que caíram na última semana aterrorizaram moradores de Campo Grande revelando prejuízos materiais com alagamentos em 20 pontos e aumento de buracos que se transformam em ‘crateras’. Um carro foi engolido por um deles no Carandá Bosque, um muro caiu sobre carros em um condomínio no Chácara dos Poderes e dois jovens que tentaram atravessar uma avenida, foram engolidos pelo córrego próximo ao Lago do Amor, sobrevivendo quase que por milagre.

Casas foram inundadas, famílias perderam bens e vias estão instáveis, alerta a Defesa Civil. Com tudo isso, empresários estão perdendo clientes devido buracos em frente de estabelecimentos alegando abando do poder público municipal que não consegue há mais de seis meses resolver a problemática manutenção da cidade.

Como se não bastasse, algumas regiões onde estão ocorrendo recuperações de vias, algumas sem asfalto, crateras se abrem e há riscos de perder imóveis e automóveis. Trabalhos estão sendo paralisados e no Bairro São Caetano moradores estão ilhados devido os buracos na rua sem asfalto referentes à obra de esgoto que foi paralisada pela Prefeitura de Campo Grande.

No retorno da atual gestão, foi declarado que serviços de manutenção “eram de menor importância”, “supérfluos” e foram paralisados, agora, placas de asfaltam se erguem, buracos, alagamentos e sujeira por toda parte, sem contar, segundo a população desabafa, a falta de iluminação pública, que deixa os perigos ainda maiores. Assim como os buracos.

Comentários

Comentários