Atiradores que invadiram escola pediram dicas a fórum extremistas

Foto: Portal R7

SÃO PAULO-SP (Correspondente) – Os atiradores Guilherme Taucci Monteiro (17) e Luiz Henrique de Castro (26) que mataram 10 pessoas na Escola Estadual Raul Brasil nesta quarta-feira (13) em Suzano/SP utilizaram uma das comunidades mais extremistas do Brasil para juntar dicas e fazer planos para o ataque. No fórum intitulado Dogolocham os jovens agradeceram as “dicas” e deixaram rastros de como iriam executar o massacre. O portal é conhecido como um local onde são discutidos a prática de crimes contra os direitos humanos, racismo e crimes contra as mulheres. O print mostra um dos atiradores agradecendo o administrador da página pelos “conselhos” recebidos.

Foto: Portal R7

Comentários

Comentários