As Dez Mais

Sexta-feira, 20 de setembro de 2019.

Primeira:

Depois de quatro solicitações de empréstimo de provas sem resposta, o ministro Edson Fachin, do STF, “canetou” o juiz da 1ª vara de Falências, Recuperações Judiciais e Conflitos Relacionados à Arbitragem da Comarca de SP, em relação à J&F. Fachin solicitou documentos em fevereiro, março duas vezes e uma em maio. A desobediência do juiz obrigou o ministro encerrar a instrução e abrir prazo para alegações finais da PGR. O processo está pronto para ser pautado.

Segunda:

Engana-se quem imaginar que será decretara a prisão do ex-prefeito Gilmar Olarte. Ele ainda possui “enes” recursos nas instâncias superiores. Esse “blábláblá” de que Gilmar vai para a cadeia é conversa de quem não tem o “quê” fazem e nem conhece os trâmites judiciais.

Terceira:

Na fronteira a bala continua comendo à solta sem errar os alvos. Por lá não tem esse negócio de “bala perdida”. Bala na fronteira tem nome, endereço, cep, RG e CPF. Ontem fritaram um tal “Temerário” com 10 tiros. A execução não surpreendeu ninguém, afinal “Temerário” possuía uma extensa ficha criminal.

Quarta:

Termina na segunda-feira o prazo para que o TJMS explique ao CNJ – Conselho Nacional de Justiça a denúncia sobre tratamento desigual e desumano para advogados que procuram essa Corte. O pedido de explicação foi solicitado pela Conselheira Iracema Vale.

Quinta:

Em Porto Murtinho as coisas precisam mudar. Um escrivão literalmente “manda” no Fórum daquela Comarca. A Secretária de Educação é senhora absoluta da situação não dando explicação à população sobre a barafunda que virou o transporte escolar no município e a Guarda Municipal não passa de capangas que intimidam moradores como se fossem “guaxebas’ do prefeito. Murtinho não é – pelo menos até agora – município sul-mato-grossense.

Sexta:

Comer à noite em Campo Grande é se expor ao mal atendimento, à má comida e aos preços absurdamente caros. São poucos os lugares onde é possível comer bem a preço justo. Nota-se um grande número de aventureiros tentando entrar no ramo. Na grande maioria é um “pague para entrar e reze para sair”. Isso explica por que o campo-grandense sai cada vez menos de casa.

Sétima:

Em Sidrolândia a inexperiência da Secretária Municipal de Educação e a falta de pulso do prefeito para com sua subalterna está levando pais a protestarem contra as aulas de educação física nesse tempo de umidade relativa do ar relativo a clima de deserto. Protestem mesmo.

Oitava:

Fernandinho Beira-Mar o preso mais temido e ilustre dos presídios federais, depois de uma longa temporada fora voltou para o Presídio Federal de Campo Grande. Passou férias no presídio de Mossoró, no RGN. Chegou ontem de ‘mala e cuia’ e continuará no temido RDD. Esse rodízio acontece pela proibição de permanência por mais de 2 anos num só estabelecimento penal.

Nona:

Ninguém falou – ou teve coragem de dizer – o nome da gerente de banco que roubou 1,2 milhão da conta de uma cliente. No máximo aparecem as iniciais das implicadas. Se não fosse gerente de banco ela já tinha rodado com nome, endereço, filiação e tudo mais. Mas como é “gerente de banco” nem ela nem a instituição tiveram seus nomes liberados para a imprensa. Esse é o Brasil que não queremos.

Décima:

Depois que os petistas fizeram um “bolão” e faturaram 120 milhões na megasena passada que estava acumulada há 10 sorteios, está pipocando na internet denúncias que suspeitam da extração do sorteio, tudo porque “um dos ganhadores teria comprado antes do sorteio um carrão do mais alto luxo”. Como internet aceita tudo, isso não passa de mais uma lenda urbana.

CHICOTADA DO DIA!

Caminha em segredo de Justiça denúncia de funcionário de uma grande empresa que alega estar sendo aliciado sexualmente por seu chefe que tem lhe mandado quase que cotidianamente fotos completamente “peladão” em poses sensuais. O funcionário-vítima diz na reclamação que “Além de tudo o chefe é uma verdadeira baranga”. Tripla chicotada nele que ele merece.

Aniversariantes do dia!.

Minha filha Ana Rita de Paula; Cesário Rodrigues de Souza; Vivaldo Luiz; Paulo De Tarso Pegolo; Sandro Junior; Ricardo Cher; Manoela Rodrigues; Janoário Manoel Capoano; Manoel Melo Santana; Jéssica Sotolani; Maria Odeth Almeida e Luiz Fernando: meus queridos amigos do Facebook. Parabéns!.

Meus amigos!

Márcio Crock; Jedson Colchões; Arlindo Florentino; Dra. Maria de Lourdes Cano: Corregedora do Detran-MS; Dr. Diogo e equipe da OralSin; Marcinho, de Terenos; Lincoln Fonseca; Sara: irmã do amigo Moisés; Ronivaldo locutor; Cláudio Craveiro em Votuporanga; José Luiz Monteiro em Jaú-SP.

Segunda-feira eu volto.

Fuuuuuuuuuuuuuuuuui.

Comentários

Comentários