As ’10’ mais

Sexta-feira, 24 de junho de 2016.

1ª)

Hoje tem a Quina de São João com um prêmio de 140 milhões. O prêmio não acumula. Quem ganhar pode deixar a grana aplicada na Caixa e buscar mensalmente um rendimento de quase ‘um milhão’.

2ª)

Boca do Povo da semana apresenta uma belíssima reportagem com o senador Pedro Chaves dos Santos Filho, contando sua história e suas metas como integrante da bancada sul-mato-grossense no Senado. Não percam.

3ª)

A Câmara Municipal está estudando ‘o que fazer’ com o prefeito reconduzido que administra sem responder indicações e requerimentos, como se o Poder Legislativo não existisse. Ele pode ser enquadrado em ‘improbidade administrativa’ e até ser cassado.

4ª)

Bernal e Olarte quebraram a Previdência Municipal, diz hoje a principal manchete do ‘Correião’. O rombo deles chega a 109,7 milhões. a denúncia já está nas mãos do Ministério Público Estadual e do Tribunal de Contas.

5ª)

Encerrada a Operação Ágata. O Exército Brasileiro se retira das fronteiras do Paraguai e da Bolívia. Foram apreendidas 11 toneladas de maconha em onze dias de operação. Agora o caos recomeça.

6ª)

No Brasil já privatizaram as rodovias, e elas deram um salto de qualidade. Dizem que agora será a vez da privatização das penitenciárias e empresas de água e saneamento. Nos países de primeiro mundo essas privatizações se mostraram muito eficientes.

7ª)

Quarta-feira (29), começam as oitivas da CPI DA VACINA. Estão confirmadas as presenças do Dr. Marcelo Di Franco, diretor do Instituto Butantã e Kátia Mongenot, da Secretaria de Estado da Saúde. Até ontem foram registradas 18 mortes por ‘gripe A’ em Campo Grande.

8ª)

Das 329 páginas do relatório final do Ministério Público sobre a Operação ‘Coffee-Break’, tudo o que se tem é ausência de nomes e conversas políticas que não comprovam nenhum crime. Gastou-se papel para não concluir nada. Juridicamente o conteúdo é um ‘traque’ perto do estardalhaço todo que fizeram, dizem juristas.

9ª)

Decretada intervenção judicial e o afastamento de diretores da Rede Brasil de Televisão, pertencente a Marcos Tolentino e sócio de Celso Russomano. Foi nomeado Fernando Claro Iglesias como administrador judicial para assumir a gestão da emissora. Também foi autorizada a busca e apreensão de documentos e arquivos da empresa. A Rede Brasil é investigada na ‘Operação Ararath’ da Polícia Federal.

10ª)

Final de semana – segundo a meteorologia – será de temperatura baixa em nosso Estado, mas a temperatura deverá se manter elevada nas discussões sobre política. O PMDB quer que Puccinelli assuma como candidato. Ele já mandou dizer que “só será candidato se o senador Moka botar na sua mão pelo menos 7 milhões, que é o quanto custará a campanha”.

Segunda eu volto.

Fuuuuuuuuuuuuui.

Comentários

Comentários