AS ’10’ MAIS

Segunda-feira, 21 de Março de 2016.

1ª)

A cidade vibrou com as colocações feitas pelo Dr. Gervásio Alves de Oliveira Júnior, vice-presidente da OAB/MS. A entidade se posicionou a favor do ‘impeachment’. Gervásio foi capa da revista BOCA DO POVO desta semana, mostrando que a entidade é firme em seus posicionamentos e sempre ao lado da sociedade brasileira.

2ª)

Produtores rurais de Jaraguari, Bandeirantes, Rio Verde, Pedro Gomes, Coxim e Sonora não aguentam mais as pressões do IAGRO que não permite que eles vendam nas cidades o que produzem nos campos. Essa ‘ditadura oficial’ que visa beneficiar indústrias, caminha na contramão das necessidades das pequenas cidades, que vivem da economia rural.

3ª)

O polêmico deputado federal Jair Bolsonaro é o convidado da semana para falar no programa BOCA DO POVO da super jovem Rádio DIFUSORA (AM-1240KHz). Bolsonaro é hoje um dos nomes fortes para a presidência da República em 2018.

4ª)

Chegou o Outono, estação que divide o clima entre o calor do verão com o frio do inverno, e a política sul-mato-grossense promete não entrar em dormência. Cigana amiga minha disse que “não é para estranhar as modificações que estão vindo por aí, inclusive na prefeitura”. Nós que não temos ‘bola de cristal’ estamos observando de binóculo e pincinês’ o que está para acontecer.

5ª)

Delcídio do Amaral continua afastado do Senado depois de ter botado fogo na República. Seu período de afastamento para tratamento de saúde está no fim, e tem uma galera que aposta que ele não será cassado. Tem gente de sobra querendo sua permanência e a queda da Dilma. Dizem que a presidente, se durar muito, vai ficar no cargo não mais do que 60 dias.

6ª)

O juiz federal Odilon de Oliveira disse: “O safado de colarinho branco vai preso, e vai pensar duas ou três vezes antes de cometer crime contra o povo”. A entrevista concedida ao ‘Correio do Estado’ e sintetiza os efeitos da ‘Lava Jato’ que iniciou hoje sua fase internacional, prendendo gente de ‘mãos sujas’ que viviam nababescamente no Exterior.

7ª)

O colunista Cláudio Humberto diz hoje em sua coluna, que tão logo Delcídio foi preso começou fazer a sua delação. Humberto disse que Delcídio chegou ser elogiado pelos procuradores pela sua memória fotográfica que abriu as ‘portas do inferno’ para a classe política. Disse mais: “A casa caiu para Dilma e Lula, e os dois nem se aperceberam disso”.

8ª)

Fechou a janela partidária. O PSDB foi o grande conquistador de aliados: Um deputado federal, três deputados estaduais e dois vereadores em Campo Grande. O PSDB ganhou força e musculatura, mas Bernal tem dito em suas reuniões políticas que já está fazendo, que irá passar um rolo compressor sobre os ‘tucanos’. Promete arrebentar até o próprio governador, batendo de frente com ele em 2018.

9ª)

Entre as madames a ordem é sair do aperto colocando as jóias ‘no prego’. Uma delas foi vista entrando e saindo sorrateiramente da Caixa Econômica. Em recente acontecimento social ela confidenciava às “amigas” que ‘não anda mais com jóias porque a cidade está muito perigosa’. É sempre assim. Tem gente que cai do salto e não desfia a meia. Isso é viver em sociedade.

10ª)

O governador está com problemas para indicar substitutos para a SEJUSP e para substituir o cargo de delegado-geral da Polícia Civil. Silvio Cesar Maluf, que estava conduzindo tão bem a Pasta, foi deposto por força de decisão do STF, dia 10 último. O Dr. Roberval Maurício Cardoso Rodrigues também estará se aposentando. O governo quer manter o ministério Público Estadual prestigiado, mas são poucos os nomes dos procuradores da turma antes de 1988.

Amanhã eu volto.

Fuuuuuuuuuuuui.

Comentários

Comentários