AS ‘10’ MAIS

Quarta-feira, 09 de Março de 2016.

1ª)

Julgado depois de 5 anos o processo originado pela invasão do GAECO à BOCA DO POVO que foi denominado pela promotora Jiskia Trentim como ‘Operação Sushi’. O jornalista Benedito de Paula Filho foi condenado a uma exagerada pena de 14 anos de prisão. Da decisão cabe recurso no Tribunal de Justiça.

2ª)

A condenação saiu sexta-feira, não havia sido publicada. O resultado antecipado foi divulgado por mim nas redes sociais por dois motivos: Evitar especulações das ‘bernaldetes’ e sites comprometidos com o prefeito, e para que as pessoas saibam que a carreira jornalística é mesmo espinhosa, e cheia de escaramuças. As solidariedades chegam neste instante de toda parte e seguimos confiantes que a Justiça fará justiça. Pra mim foi o fim de uma pendência que parecia não terminar nunca. Agora é lutar pela inocência e agradecer ao carinho dos amigos e admiradores à nossa missão jornalística.

3ª)

O PSD está preparando uma grande festa para a manhã de sábado na Câmara Municipal. É a grande largada do partido rumo às eleições deste ano. Marquinhos Trad é o pré-candidato do partido e tido como imbatível. A Rádio DIFUSORA estará presente a mais esse acontecimento político com flashes diretos.

4ª)

O prefeito de Corumbá, Paulo Duarte, disse ‘bye bye’ ao Partido dos Trabalhadores. Paulo disse ontem que estava cansado das confusões armadas pelo partido, mas não revelou para onde irá.

5ª)

Acontece que em Corumbá a coisa está esquisita. Paulo Duarte faz uma excelente administração, pagando em dia e conservando bem a cidade, mas Ruiter Cunha, que está no PSDB, está levando vantagens em todas as sondagens, porque é mais festeiro e mais afável que o Paulinho. Mas por enquanto, dizer que este ou aquele sairá vitorioso é fanfarronice, afinal, resultado de urna só mesmo quando elas são abertas.

6ª)

Os moradores da antiga favela Cidade de Deus foram transferidos ‘na marra’ sem a menor estrutura por parte da prefeitura. O chamado ‘kit favela’ doado pelo prefeito se compõe de um maço de pregos, uma loja preta, e um martelo emprestado que é recolhido todos os dias às 17 horas.

7ª)

O Veredas da Fé e a OAB vão hoje ao Fórum para ver se revertem a remoção do que resta da favela Cidade de Deus e se reabrem o Lixão, até que sejam criadas estruturas mínimas de sobrevivência àquelas pessoas. A promessa de que elas seriam removidas para melhores condições não está sendo cumprida, e essa é uma brecha por onde a remoção pode ser revertida.

8ª)

O Ministério Público começou checar a nomeação de diretores da REME que substituíram aqueles que foram demitidos por pura politicalha do prefeito. Três diretores recém nomeados já foram demitidos dos cargos por falta de ‘competência e qualificação profissional’.

9ª)

O prefeito ficou ‘bicudo’ com as mulheres que reclamaram em ato público da precariedade dos transportes coletivos e do abandono dos terminais de ônibus que eram muito bem cuidados na época de Olarte. Entrou água na agenda com o prefeito Alcides Bernal em comemoração ao ‘Dia Internacional da Mulher’ e assessores do Bernal disseram que ele saiu de lá bravo e chutando até cachorro morto.

10ª)

Enquanto o pessoal do bairro Cidade de Deus ‘se danava’ tendo que mudar à força, na tarde de ontem foi dia de Bernal ficar ‘cara a cara’ com o ex-governador André Puccinelli, que o chamou de ‘ladrão’. Bernal exigia desculpas públicas, mas não teve acerto. André saiu do tribunal ‘gozando’ o prefeito nas redes sociais, afirmando que, ao invés dele estar perdendo tempo com picuinhas políticas, devia estar cuidando da cidade.

Amanhã eu volto.

Fuuuuuuuuuuuuuui.

Comentários

Comentários