Alecsandro é flagrado em antidoping após Dérbi pelo Paulistão; entenda

Atacante ainda não está suspenso preventivamente. Isso só ocorrerá caso o exame de contraprova confirme o uso de substância irregular

O atacante Alecsandro, do Palmeiras, foi flagrado no exame antidoping por uso de anabolizante. O teste do atleta deu positivo para a substância proibida O-Dephenylandarine depois da partida contra o Corinthians, no dia 3 de abril, no Pacaembu, pelo Paulistão. O duelo terminou com vitória por 1 a 0 do Verdão, com gol de Dudu.

O clube já foi notificado pela Federação Paulista de Futebol, e o jogador também já está sabendo do resultado. O atleta ainda não está suspenso. Isso só acontecerá de forma preventiva, por 30 dias, caso a contraprova confirme o doping. O TJD (Tribunal de Justiça Desportiva), então, marcará o julgamento.

O episódio causou surpresa na clube, já que os exames do atacante nunca apresentaram alterações. Tanto a federação como o Palmeiras confirmam o caso. Através de nota (veja abaixo), o clube informou que análise da contraprova será feita até o início da próxima semana.

Na última segunda-feira, o zagueiro Yago, do Corinthians, foi julgado e suspenso por 30 diaspelo tribunal pelo uso da substância betametasona antes de jogo contra o Santos, também pelo estadual. A punição termina na próxima sexta-feira – ele estava afastado preventivamente – e o defensor poderá atuar no clássico de domingo, contra o Palmeiras, pelo Brasileiro.

Veja o comunicado do Palmeiras:

A Sociedade Esportiva Palmeiras informa que a prova de urina colhida do jogador Alecsandro na partida contra o Corinthians em 3 de abril, válida pelo Campeonato Paulista, apontou positivo para O-Dephenylandarine, metabólito do Andarine, substância esta proibida pela WADA.

A contraprova, que analisará uma outra parte do material, será feita até o início da próxima semana. A previsão é de que o resultado seja divulgado em até um dia útil após a nova análise.

Fonte: Ge

Comentários

Comentários