Rose Modesto participa da festa de reabertura do Morenão e destaca parceria com a UFMS

Campo Grande – A governadora em exercício, Rose Modesto, acompanhou do gramado do Estádio Pedro Pedrossian (Morenão), na tarde deste domingo, a reabertura da principal praça de esportes de Mato Grosso do Sul, após os investimentos garantidos pelo Governo do Estado. O estádio esteve interditado por mais de dois anos e cerca de dois mil torcedores voltaram às suas dependências no primeiro jogo do Campeonato Estadual de 2017, entre Comercial e Novoperário.

“É uma alegria muito grande participar desta festa, que é a festa do futebol reabrindo um estádio que já foi palco de grandes espetáculos”, disse Rose Modesto, enquanto caminhava pela lateral do campo, onde acenava para o público presente nas cadeiras e arquibancada coberta. “Isso aqui é um recomeço de um futebol que já foi grandioso e voltará a ser, graças a parceria do nosso governo com a Universidade Federal (UFMS)”, completou.

O Estado, por meio da Fundesporte, destinou R$ 200 mil para obras de adequações no estádio no quesito segurança, em atenção ao Estatuto do Torcedor. Os setores de acesso a ala coberta do estádio receberam corrimões nas rampas e estrutura metálica em setores de elevação, como o fosso que circunda o campo, os quais poderiam causar acidentes. Parte do estádio também recebeu pintura e melhorias na área de sanitários, vestiários e gramado.

Grande festa

Durante a visita ao estádio, a governadora em exercício reafirmou o compromisso do governo de complementar as obras dentro do projeto de reformulação do Morenão e também em cumprimento a determinação judicial e normas da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) para sediar jogos do Campeonato Brasileiro. A segunda fase incluirá adequações no setor de descoberta e instalação de um novo placar eletrônico e sistemas de iluminação e de para-raios.

“Não tenho dúvidas de que, com essa parceria com a universidade, vamos resgatar o nosso estádio e reviver os grandes momentos do futebol”, disse Rose, agradecendo o apoio da UFMS, o qual considerou fundamental para a reabertura do Morenão. “Vivenciamos uma grande festa, com uma torcida animada na arquibancada, e isso nos estimula enquanto governo, como também incentiva a torcida, os jogadores e os clubes”, completou.

Gigante vivo

Acompanhando a governadora, o reitor da UFMS, Marcelo Augusto Turine, destacou o convênio assinado com a Fundesporte para proporcionar a revitalização do Morenão, acentuando que sem esse aporte financeiro do Estado a instituição de ensino não teria recursos financeiros para atender o Ministério Público e realizar as obras necessárias para reabrir o estádio, o qual chamou de “um gigante hoje vivo”.

Turine adiantou que a segunda etapa de intervenções no estádio visa prepará-lo para receber sua capacidade máxima de público, de 23 mil pessoas, e transforma-lo em uma arena moderna, que possa receber jogos dos campeonatos da elite do futebol brasileiro. “Com o apoio do Governo do Estado estamos devolvendo o Morenão ao torcedor e à nossa sociedade, fortalecendo assim o esporte de um modo geral”, frisou o reitor.

Revelado em entrevista a uma emissora de rádio ser torcedora do “vermelho” (Comercial), Rose Modesto assistiu ao jogo das cadeiras vermelhas, antigo setor das cativas, em frente às cabines de rádio. Também prestigiaram a reabertura do Morenão, neste domingo, o secretário estadual Carlos Alberto de Assis, o deputado estadual Rinaldo Modesto e o senador Pedro Chaves.

Sílvio Andrade – Subcom

Fotos: Edemir Rodrigues

Fonte: Correio do Estado

Comentários

Comentários