Polícia apreende maconha congelada na Capital

Foto Campo Grande News

 

A Polícia prendeu três homens em flagrante por tráfico de drogas em Campo Grande, no bairro Estral do Sul. A droga era armazenada em um freezer, ou seja, os traficantes congelavam a droga. A droga estava numa casa do Jardim das Cerejeiras. Entre os detidos está o dono de uma pizzaria. A investigação da polícia agora é se o dono da pizzaria usava o comércio para distribuir entorpecentes.

João Paulo Sartori, delegado informou que após receberem denúncias anônimas referentes a tráfico de drogas, na última sexta-feira (4). Os policiais da Denar realizaram uma campana em frente ao endereço dos suspeitos para monitora-los.

Num determinado momento, chegou ao local um veículo onde estavam Matksander Aparecido Ovando da Silva, 26 anos, vulgo “Gordinho”, Wellington Jackson Batista Bezerra, 28 anos, vulgo “Pipo”, e Emerson de Lima Furtuoso, 29 anos, vulgo “Cabeçudo”.

Na abordagem aos três foram encontrados pela polícia um molho de chaves no bolso de um deles, Furtuoso acabou confessando que tinha droga guardada em dois endereços da Capital.

Nos endereços da rua Manoel Abrão Lemos, no bairro Jardim das Cerejeiras, a polícia encontrou 396 quilos de maconha, distribuídos em tabletes, que estavam congelados dentro de um freezer. Os presos confessaram que a droga estava mofando e por isso resolveram congelar a droga. No segundo endereço na rua Passa tempo, no bairro Jardim Presidente, a polícia encontrou 1,3 quilos de pasta base de cocaína. A casa, com piscina e área de lazer, também era usada para festas do trio, de acordo com a polícia.

Os três presos em flagrante irão responder por tráfico de drogas. De acordo com a polícia, o trio já tem passagens por este crime.

 

Comentários

Comentários