Garota de programa apanha de cliente em motel da Capital

Um cliente teria contratado um garota de programa de 35 anos e após acertarem o ‘programa’ pelo valor de R$ 100,00 a hora foram até um motel.

Após então contratar o serviço o casal foi até o motel e lá consumaram o ato. Contudo com o decorrer das horas o cliente se negava de pagar pelo programa e pediu mais relações sexuais, mas dessa vez sem preservativo.

A garota de programa se negou a ter relações sem preservativo e neste momento o autor começou a agredi-la com socos, chutes, no rosto, e braços da vítima que conseguiu fugir do quarto e pedir ajuda, momento em que o cliente fugiu em sua motocicleta.

A mulher relatou que o autor trabalha em um posto de combustível localizado na Rua 26 de Agosto.

A vítima informou que existem câmeras de segurança no posto, que se encontra em frente ao motel.

Comentários

Comentários