EXTRA: Boliviano é preso em flagrante por trabalho escravo

Foto: Polícia Federal

Um cidadão boliviano proprietário de uma oficina de costura localizada na cidade de Guarulhos/SP, foi preso em flagrante na quinta-feira (4) pelo crime de trabalho escravo. O autor mantinha uma jornada exaustiva de afazeres em condições degradantes. Durante as diligências, com a cooperação da Adidância da Bolívia, o menor que era mantida sob trabalho forçado conseguiu enviar para seu pai no seu país de origem por meio de um aplicativo de celular a mensagem que estava com medo, pois seria encaminhado para um acampamento. Após a prisão do cidadão boliviano e com o fim dos trâmites médicos e administrativos, o menor estrangeiro foi entregue ao conselho tutelar. O envolvido responderá pelo crime de redução à condição análoga a de escravo, com a previsão de pena que varia de 2 a 8 anos de reclusão.

Foto: Polícia Federal
Foto: Polícia Federal

 

Foto: Polícia Federal
Foto: Polícia FederalEXTRA

 

Comentários

Comentários