Escola indígena de Brasilândia recebe ponto de internet

Marcando o Dia Internacional dos Povos Indígenas, comemorado no último dia 09 de agosto, os estudantes indígenas da Escola Municipal Ofaie Iniechek, na aldeia indígena, tiveram uma conquista muito importante nesta sexta-feira (11). Agora a comunidade escolar está conectada com o mundo, com a instalação de um ponto de acesso a internet na sala de informática da escola.

O esforço da prefeitura foi acompanhado de perto pela técnica da Secretaria de Educação, Cristina Dameão, que no ato representou o secretário da pasta, Francisco Aparecido Lins.

A internet faz parte do programa “Banda Larga nas Escolas” do Governo Federal, que leva internet via satélite às unidades escolares mais distantes.  “Com esta nova ferramenta, nos possibilita ampliar o nosso conhecimento na área educacional, podendo até realizar curso superior à distância”, disse Silvano de Moraes e Souza, um dos professores da escola indígena.

As crianças puderam conhecer a sala e ver a novidade implantada na escola. Além disso, a data também foi registrada pela visita dos acadêmicos de Pedagogia, da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul – campus Três Lagoas, na qual apresentaram o projeto “Feira de Ciências: Mistérios da Natureza, por meio da ciência e das tecnologias”, liderada pela professora doutora Silvana Bispo e colaboração da coordenadora do Pibid/Pedagogia a professora doutora Ione Silva Cunha.

Os alunos assistiram as apresentações de pequenos experimentos científicos, gerando a troca de culturas entre índio e não-índio. Por outro lado, os indígenas apresentaram aos visitantes um pouco da língua materna e também doaram cartilhas com algumas palavras da língua Ofaié.

“Esse intercambio cultural é de grande valia educacional e, mais uma vez, Brasilândia sai na frente no quesito igualdade e oportunidade para as diferenças”, completou o prefeito Dr. Antonio.

Comentários

Comentários