As Dez Mais

Sexta-feira, 14 de junho de 2019.

Primeira:

Sindicalistas amanheceram nas frentes das garagens de coletivos e impediram que os ônibus circulassem. Foi uma manhã de intimidação e ameaças. Venceu a força dos sindicatos.

Segunda:

Muita gente hoje não conseguiu ir pro trabalho. A espera nos pontos de ônibus foi longa e irritante. Não informaram que os coletivos não circulariam. Os aplicativos aproveitaram e “tiraram o couro” dos usuários triplicando o preço da corrida.

Terceira:

Chuva de estrelas da Constelação Bolsonaro. O general que insistia em censurar a imprensa já tomou o rumo de casa e vai tirar o pijama da naftalina.

Quarta:

A Seleção Brasileira de futebol feminino tomou ontem um “chocolate” da Austrália. Começamos ganhando e acabamos tomando. Em se tratando de Seleção Brasileira isso não é novidade.

Quinta:

André Puccinelli está percorrendo o interior ‘afinando a viola’ para a eleição municipal de 2020. Em Corumbá o candidato do MDB a prefeito será o ex-prefeito Paulo Duarte.

Sexta:

Bolo de ‘uma’ tonelada; 25 metros de comprimento; 1.200 alianças comestíveis e só uma de ouro. O tradicional bolo de Santo Antônio foi ontem a sensação do dia. Quem achou aliança acha que vai arrumar casamento…

Sétima:

Conselheiros da Santa Casa estão pedindo a destituição do atual presidente Ezacheu do Nascimento e atribuindo à ele as mazelas da saúde. Esse pessoal precisa arranjar o que fazer. Nunca a Santa Casa esteve tão bem como agora. É como minha Tia Laura dizia: “O pior ciúmes é o de homem pra homem”…

Oitava:

Pegaram uma caminhonete ‘Laramie Bramonnt’, blindaram e carregaram com quase ‘duas toneladas’ de maconha. Só que a Dodge não aguentou, deu defeito e teve que ser abandonada. É o que eu sempre digo: Dodge Ram é um casamento que nunca mais se desfaz.

Nona:

No “Arraiá de Campo Grande” na Praça do papa quem pisou na bola foi a Energisa. Ligou atrasado a energia e causou prejuízos a comerciantes que perderam comida e não venderam cerveja quente. Essa Energisa é “pra cabar”. Os técnicos dizem que a culpa foi das instalações elétricas feitas na Praça e não deles.

Décima:

Maurício Picarelli vai voltar a fazer programa de televisão. Foi contratado pela Rede Brasil de Televisão. Em relação à política Picarelli não será candidato a nada no ano que vem.

CHICOTADA DO DIA!

Bancos de Campo Grande não estão “nem aí” para as fiscalizações e multas dos Procons. A espera dos clientes chega a “uma hora”. Esse pessoal não toma vergonha na cara. Merecem hoje uma “tripla” chicotada.

Aniversariantes do dia!

Maria Helena Coelho; Angela Abdulahad Hildebrand, Patrícia Jallad, Dra. Eliana Setti Aguiar, Roberto Cunha, Luciene Dudu, Zulaê Ramos Freitas, Vera Botelho, Nubia Dalton e Angela Tavares.

Meus amigos!

Rui Chabarum, Bileu, Ney, Cesar e Gordo, da Borracharia e Auto Elétrica RF no Posto Locatelli; Dr. Paulo Ottaran, nosso correspondente em Brasília; Dr. Jorge Martins, do previsul; Leo ar condicionado; Luis Delapuente, do SBT; Marcos Silva; Kareca mecânico; Diego Aranda da Agepen; Terezinha Cândido,

pecuarista; nossa querida Perpétua; Rodnei e Patrícia da Amarelinha Colégio Yellow.

Segunda-feira eu volto.

Fuuuuuuuuuuuuuui.

………………………………

Comentários

Comentários