As Dez Mais

Sexta-feira, 31 de maio de 2019.

Primeira:

Condenaram o PRF Ricardo Moon a 23 anos e 4 meses de prisão pelo assassinato do sushizeiro Adriano Nascimento. Moon está solto porque ainda há recursos. Um deles poderá anular o júri de ontem e submeter o réu a julgamento na Justiça Federal que seria o mais lógico.

Segunda:

O advogado Dr. Renê Siufi, defensor do PRF Moon, disse que aceita o veredicto do Corpo de Jurados, mas acredita que a Justiça Federal chamará o caso para si, podendo desaguar em novo julgamento. Ricardo Moon é policial rodoviário Federal e quando do episódio estava em serviço.

Terceira:

Reviravolta na Operação ‘Lama Asfáltica’. O Desembargador Paulo Fontes, do 3º TRF, sentenciou o fim da investigação ao analisar que a Justiça Federal jamais deveria ter julgado o fato e prendido pessoas porque o processo é de competência exclusiva da Justiça estadual.

Quarta:

Mais uma vez houve erro jurídico que penalizou a vida de muita gente por absolutamente nada, aliás, na ânsia de prender e querer fazer notícia, muitos deslizes e erros foram praticados num Brasil onde o “jacobinismo” fez muitas vítimas. Sorte que por aqui não existe pena de morte física, apenas morte moral.

Quinta:

Vítima do erro judicial da destrambelhada “Lama Asfáltica” o ex-deputado Federal e ex-secretário de Obras Edson Giroto, também preso ilegalmente, aguarda seu alvará de soltura. Dizem que os pedidos de indenizações contra os elaboradores da “operação” serão multimilionários. É aguardar pra conferir.

Sexta:

O SENALBA está denunciando a coação a trabalhadores por parte da FIEMS que engloba SESI-SENAI e IEL. Eles teriam obrigado trabalhadores a assinar acordo excluindo a presença do sindicato. O “acordo de porão” aconteceu numa esquisita ‘webconferência’. Como o diabo faz a panela, mas não faz a tampa, agora os “chefões” querem que os “chefinhos” consigam legalizar o acordo, mas deram com os burros n’àgua.

Sétima:

Hoje tem show da dupla Matogrosso e Mathias, no Atualmente Choperia. Os ingressos estão praticamente esgotados, mas se você correr no Gugu Lanches ainda dá tempo de assistir a um dos melhores shows do ano na “pipoca”. Eu recomendo.

Oitava:

Sindicatos de servidores fazem agora uma ruidosa manifestação defronte a Governadoria. Querem reposição inflacionária e a reabertura das conversações. Agepen, Polícia Civil e Policiais Militares recebem reforço da FETEMS.

Nona:

Hoje às 14 horas na Casa da Mulher Brasileira a presença da modelo internacional Luiza Brunet. Natural de Itaporã ela também experimentou a violência masculina e se tornou um símbolo das manifestações contra as agressões masculinas que quase sempre terminam em feminicídios. Às 15 horas Luiza será recebida pelo prefeito Marquinhos Trad.

Décima:

Índios de Taunay bloquearam ontem a Br-262 protestando contra a Reforma da Previdência, que já saiu da pauta política. Não deu pra entender o protesto porque “índio não se aposenta” só recebe benefício do Loas. Pessoas dizem que o “chefe” que ordenou o trancamento da rodovia é um cacique destemperado e brigador conhecido pelo apelido de Barrichielo. Durma-se com um barulho desse.

CHICOTADAS DO DIA!

Dagoberto Nogueira – o dono do PDT neste Estado – resolveu apelar para a baixaria com o deputado Jamilson Name. Não se sabe por que Dagoberto anda tão irritado. O ambiente entre ele e Jamilson não é dos melhores. Jamilson continua cavalheiro, mas Dagoberto está levando as diferenças para “briga de rua”. Esse é o assunto político do dia. Merece ‘tripla’ chicotada.

ANIVERSARIANTES DO DIA!.

Flávia Vicuña; Giovani Caldeira; Louise Souza; João Lopes dos Reis Filho; Sylma Lima; Ver. Eduardo Romero e Márcia Bastos Pavão.

MEUS AMIGOS!

João Bosco de Medeiros, Luciano e Ariel; Paulo Cavalheiro; Carlos Naegele (Midiamax); Edson Lima; Ed Carlos de P. Murtinho; Wilson Cabral Tavares e Família; Guga Mancini; Cláudio Craveiro, em Votuporanga-SP; Cel. Garcia; Ex-deputado Roberto Razuk e sua esposa D. Délia Razuk prefeita de Dourados.

Segunda-feira eu volto.

Fuuuuuuuuuuuuuuuui.

 

Comentários

Comentários