As Dez Mais

Segunda-feira, 11 de setembro de 2017.

Primeira:

11 de Setembro foi o dia fatídico para os Estados Unidos, quando aviões derrubaram as ‘Torres Gêmeas’, devassando e ferindo o orgulho norte-americano. O terrorista Bin Laden foi caçado como um ‘cão sarnento’ e morto pelos ‘Seals’ – tropa de elite da Marinha Norte-Americana.

Segunda:

Hoje o inimigo dos Estados Unidos é outro, e contra ele não há resistência. O furacão Irma invadiu a Flórida, mas existem outras duas tormentas esperando a vez de invadir o território norte-americano.

Terceira:

O Tribunal de Justiça vai julgar quarta-feira o recurso que decidirá sobre o futuro do ex-prefeito Gilmar Olarte, que foi condenado em maio a 8,4 anos de prisão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

Quarta:

Muita gente perguntou por que o prefeito Marquinhos Trad não compareceu ao desfile Cívico de 7 de setembro. Chegaram especular que seria porque o pai dele foi preso pela Revolução. Nada disso. Marquinhos aproveitou o feriadão para dar uma atenção especial à família.

Quinta:

Hoje o Ministério Público começa ouvir hoje os implicados da Operação Antivírus, entre eles o diretor de administração interna do Tribunal de Contas do Estado, Parajara Moraes Alves Junior, dono de 3 celulares com tecnologia anti-espionagem e em cuja casa foram apreendidos 105 mil reais.

Sexta:

O deputado federal Carlos Marun, disse hoje no meu programa na Difusora, que o Editorial da semana passada foi classificado pelo Presidente da República Michel Temer como uma “pintura jornalística”. O presidente enviou através do deputado os seus cumprimentos ao jornalismo sério e independente que fazemos no programa Boca do Povo, das 7 as 8 na FM-101.9.

Sétima:

A “grana” do empresário Joesley Batista e seu “cupincha” Ricardo Saud continua impondo respeito. Mesmo com as prisões decretadas a Polícia Federal não foi bater às suas portas. Eles foram dirigindo seus carrões à Superintendência da Polícia Federal, em São Paulo, e se entregaram. A ordem é para que se evite ao máximo a exposição dos presos.

Oitava:

O médico pediatra e deputado estadual o Dr. Paulo Siufi (PMDB) começou a partir de hoje a orientar os ouvintes da FM-101.9 com o seu “Minuto Saúde”. Uma maneira simpática de direcionar à boa saúde os ouvintes da nossa emissora.

Nona:

Final se semana trágico com sete mortes em nossas rodovias. Na Capital também a “coisa” não foi diferente. A violência no trânsito tem sido uma catástrofe anunciada à cada feriado prolongado ou nos finais de semana. A educação no trânsito não atinge o seu objetivo que é o de ‘preservar a vida’.

Décima:

Virou moda a “delação premiada” na relação marido/mulher. Agora, se alguém é pego no “flagra” pode negociar com o marido traído uma “delação” entregando outros que estariam no mesmo barco. É a chamada ‘liberação feminina’. Na revista Veja desta semana, a atriz Débora Secco levanta a bandeira do direito à ‘infidelidade feminina’, e assume que traiu todos seus ex-namorados, mas que também foi traída por eles.

Amanhã eu volto!

Fuuuuuuuuuuuuuiu.

Comentários

Comentários