AS ’10’ MAIS

Segunda-feira, 21 de setembro de 2015.

1ª)

O ensino brasileiro está cada vez pior. Ao final do 3º ano do fundamental, um em cada 3 brasileiros não consegue escrever uma frase que faça sentido, e quase a metade deles é incapaz de ler as horas num relógio digital.

2ª)

Pela primeira vez desde 2002 a poupança perderá para a inflação. Neste ano o rendimento das cadernetas será de 8,06{d124abb9778216420301f7a7fdee54f2d809ca471a8d69088da1a3e9d609e3df} e a inflação será de 9,29{d124abb9778216420301f7a7fdee54f2d809ca471a8d69088da1a3e9d609e3df}. A mais popular aplicação do povo brasileiro está em baixa.

3ª)

O chamado ‘Plano de Trabalho’ denunciado ontem pela revista BOCA DO POVO e que é um disfarce para os altos salários na Prefeitura de Campo Grande será alvo de investigação do Ministério Público. Tinha planos de 20, 25, 50 e até 70 mil mensais.

4ª)

O ‘Plano de Trabalho’ foi uma invenção de 2002 para corrigir distorções existentes em alguns setores da administração municipal cujos servidores ganhavam menos que um salário-mínimo, mas o que foi criado para o bem passou a ser usado para o mal, e deu no que deu.

5ª)

O PT estadual poderá ir para as mãos do ex-deputado federal Antonio Carlos Biffi que pretende dar uma renovada, uma remoçada no partido. Esse exército vermelho de seguidores está esperançoso de ser chamado à luta em 2016, e para isso fará entendimento com outras siglas em nosso Estado.

6ª)

A ida de Ricardo Ayache para o PSB foi prestigiada, mas a presença do ex-governador André Puccinelli (PMDB) na Mesa foi um sinal de mau agouro. André não tinha nada que estar lá. Pareceu a ‘Fada Madrinha’ do conto de Cinderela que mesmo não convidada para o batizado, compareceu e rogou uma praga.

7ª)

Tereza Cristina ficou numa saia justa tão grande, que em seu discurso ao invés de citar PSB, citou PSDB seu antigo partido. Muita gente disse que “A plumagem tucana ainda não saiu dela”.

8ª)

A ‘Lava Jato’ está com mais um desdobramento. Prisões preventivas, busca e apreensões e conduções coercitivas em vários pontos do país. Sérgio Moro tem botado pra quebrar, dando um exemplo de que, se o Judiciário quer resolver o problema de corrupção no país, precisa mesmo colocar a ‘mão’ na massa.

9ª)

Hoje é o ‘Dia do Radialista, Dia da Árvore e Dia do Fazendeiro. Deveriam instituit o ‘Dia do Lixo’ que seria uma festa em nossa Capital, perdida entre montanhas de lixo nas nossas vilas e bairros aonde a Solurb ainda não passou. Uma coisa virou verdade: Bernal mentiu quando afirmou que o pagamento com a empresa estava em dia, tanto é, que teve que depositar 1,5 milhão para que a Solurb pagasse os funcionários e a greve acabasse temporariamente.

10ª)

Quem virou figurinha ‘carimbada’ no Indez é o prefeito reconduzido Alcides Bernal. Vai quase todas as noites tomar a sua ‘biritinha’ sob olhares nada amistosos dos frequentadores do local. É a figura estranha e mais patética do ambiente. Raramente é cumprimentado. Esse é o sintoma de que o lugar não lhe cabe.

Amanhã eu volto.

Fuuuuuuuuuuuui.

Comentários

Comentários