As ’10’ Mais

Terça-feira, 12 de abril de 2016.

1ª)

Bernal assinou contra o ‘impeachment’ da presidente Dilma, e ficou pesaroso ontem quando o relatório do deputado Jovair Arantes (PTB) foi aprovado por 38 a 27. O reconduzido além de ter dado uma bola fora, ainda queimou o pouco de prestígio que lhe restava junto do seu eleitorado.

2ª)

Azedou o clima Prefeitura/Câmara Municipal. O que já estava ruim ficou pior com o prefeito jogando a culpa nos vereadores de terem impedido que ele concedesse aumento. Bernal acusa os vereadores de terem prejudicado 22 mil servidores, o que não é verdade.

3ª)

Corrigindo uma informação que esteve correndo nas redes sociais: Não é o João Balock o cunhado do Bernal, e sim o Marcom que está nomeado no seu gabinete. Também as cunhadas Meirelle e a Mirtes, são funcionárias da prefeitura.

4ª)

O fato da Capital estar atirada às traças parece que o povo já se acostumou, afinal, nada se pode esperar de uma administração municipal ‘aloprada’ como essa. Mas o caso do Bernal boicotar a Caravana da Saúde essa é demais e insuportável.

5ª)

A BOMBA DO DIA: O prefeito de Aquidauana, Zé Henrique, dias atrás não compareceu para trabalhar alegando problema de saúde. Um passarinho me contou que na real o Zé esteve depressivo.

6ª)

A diretoria do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil escolheu o advogado Luiz Cláudio Pereira – Bito – para a Escola Nacional de Advocacia. É um prestígio para a advocacia sul-mato-grossense, que se prepara para elaborar a chamada Lista Quíntupla para enviar ao governador os nomes que concorrerão ao cargo de desembargador na vaga da Ordem.

7ª)

A Polícia Federal começou correr atrás dos corruptos novamente. É a 28ª fase da ‘Lava Jato’ que já prendeu o deputado Gim Argelo, acusado de receber propina da OAS para não chamá-la para depor numa CPI. Tá todo mundo com a pulga atrás da orelha. A caça aos corruptos continua.

8ª)

Paulo Duarte que era do PT declarou ontem à imprensa que “Deixou o partido devido aos escândalos nacionais, e que não seria justo concorrer pela legenda pagando um alto preço pelos escândalos que não saem dos noticiários”. Paulo se diz pesaroso, desconfiado e desacreditado que o futuro do País seja melhor mesmo com o ‘impeachment’.

9ª)

Dia 26 de abril os professores da REME vão parar. Tudo depende do prefeito. Se ele não apresentar uma proposta honesta de aumento, os profissionais vão estabelecer greve. Dia 19 haverá paralisação geral com passeata e manifestações. No ano passado os professores ficaram 77 dias parados e não ganharam aumento. O prefeito ameaça jogar duro se a greve estourar.

10ª)

Estou de viagem para Belém, portanto, esta coluna ficará suspensa até na próxima terça-feira. Desejo a todos uma ótima semana, e voltaremos a nos encontrar dia19, neste mesmo espaço.

Abraços.

Fuuuuuuuuuuui.

Comentários

Comentários