AS ’10’ MAIS

Segunda-feira, 11 de abril de 2016.

1ª)

O computador que já foi o item mais vendido que qualquer outro eletrodoméstico e a própria televisão, foi desbancado pelos celulares inteligentes. A informação é do IBGE.

2ª)

O senador Delcídio do Amaral ao ser acusado pelo presidente do Conselho de Ética do Senado, de que estava protelando sua presença para depoimento mandou para ele o seguinte recado: “Farei novos exames, e se liberado comparecerei para depor. Mas, vou contar coisas que muita gente aí não vai querer ouvir”.

3ª)

Em época da mais alta tecnologia e sob a bandeira do descartável, pesquisas indicam que os ‘coxinhas’ e os ‘mortadelas’ já envelheceram. A onda agora é o ‘Fora Todos’ que pede a saída de Dilma, Temer, Cunha e Renan.

4ª)

Quem precisar de ambulância do SAMU que reze. Das 12 que existiam, onze estão quebradas. Apenas ‘uma’ está funcionando.

A BOMBA DO DIA: Alcides Bernal escondeu, mas a verdade sempre aparece: João Ballock ‘é’ seu cunhado. É casado com a irmã da primeira-dama.

6ª)

O advogado do ex-prefeito de Aquidauana, Raul Freixes, está sofrendo para conseguir para ele uma prisão domiciliar. Raul é indisciplinado e desobediente às regras. Estava na domiciliar e foi viajar sem autorização, regredindo para o regime aberto. Quando seu tio era desembargador e o primo seu advogado, ele deitou e rolou como quis na Justiça. Agora, com a morte dos seus protetores está sendo tratado como pessoa comum e sem privilégios.

7ª)

O que o reconduzido chama por ‘Lei da Mordaça’ impede na verdade que professores direcionem o ensino religioso, de costume, de gênero e de orientação sexual. Ensinar não é direcionar como vinham fazendo. A Lei na verdade preserva os valores de família. Se você não tem família e gosta da bandalheira, então bata palmas para esse prefeito que adora e valoriza tudo o que não presta.

8ª)

Semana começa com todo mundo amedrontado sobre a possibilidade do juiz Sérgio Moro lançar uma nova ofensiva na ‘Lava-Jato’. Fala-se em prisões para Antonio Palocci e Erenice Guerra. Pode ser que nesse pacote entrem outros nomes famosos. A Operação está apelidada pelo povo de “Purgatório”. Por enquanto tudo não passa de especulação.

9ª)

A SESAU fez uma compra aloprada de fitas para medir glicose. Elas não calçam nos aparelhos que já haviam sido comprados e distribuídos aos diabéticos. O alopramento ficou maior quando, ao invés de devolverem as fitas e comprarem as certas, mandaram comprar outros aparelhos de medição de glicose, e estão recolhendo os que já haviam sido doados. Isso é desperdício de dinheiro, mas para uma administração aloprada como a do Bernal não há o que se estranhar.

10ª)

A Expogrande virou uma festa para os endinheirados. O estacionamento está custando 50 reais. Internamente estão acontecendo muitos roubos de celulares. Lá fora quem quiser estacionar tem que pagar 20 reais para os ‘flanelinhas’. Carros estão sendo roubados, vidros quebrados e objetos furtados. É o retrato de uma festa que antes era para o povo e agora é só para rico e endinheirado.

Amanhã eu volto.

Fuuuuuuuuuuuuui.

Comentários

Comentários